Skip to content

Uma gravidez na Itália

03/05/2017

bz_italia

 

Carla Guanais – Roma, Itália

Gente, eu ando muito tempo sumida do BZ! Foi divórcio, conclusão de doutorado e agora a maternidade! Sim, estou no fim da gravidez e por isso vim correndo aqui contar algumas particularidades sobre ser mãe na Itália, a princípio claro, a gravidez.

Descobrindo a gravidez

Menstruação atrasada, primeira coisa: teste de farmácia. Sim, funciona. Hoje em dia tem tantos tipos, até os que indicam de quantas semanas. Segundo passo: ir à médica de base e falar do resultado do teste, ela vai encaminhar um exame do Beta HCG com o qual se confirma a gravidez, levando o resultado do teste ela vai querer saber se quer ou não levar a gravidez adiante.

E aí? É possível isso? Sim, na Itália o aborto é legalizado. Como assim? Peraí.

 O aborto legalizado na Itália

A Legislação italiana antes de 1978 colocava como crime a interrupção voluntária da gravidez (IVG), mas com a implementação da Lei 194, daquele ano, o aborto voluntário foi descriminalizado, podendo ser efetuado até o 3º mês de gestação em hospitais públicos italianos, e no 4º ou 5º mês em caso de natureza terapêutica (quando tem risco para a mãe, e na detecção de má formação e outras anomalias, inclusive quando se é detectada a possibilidade de Sindrome de Down).

Porém, a lei deixa bem clara a questão de que a IGV não é método de controle de natalidade, nem método contraceptivo. Toda gestante atendida na rede pública de saúde tem acompanhamento desde o início da gestação, apoio psicológico e médico, onde se esclarecem os direitos, deveres, benefícios, sugestões de apoio às gestantes com dificuldade financeira, situação familiar delicada, entre outros casos, tudo para evitar que a escolha seja o aborto, e que no fim, se a escolha da mulher for o de interromper a gestação, seja de uma forma totalmente consciente e segura. Continue lendo a respeito lá no Sonhos na Itália – Gravidez e aborto na Itália.

O controle pré-natal

 Bem, decidindo levar a gravidez adiante, a médica de base vai indicar um hospital para fazer o pré-natal. Se você planejou a gravidez e/ou já tem em mente onde gostaria de ter seu bebê, deixe claro isso, e tem um ginecologista de confiança também (particular ou público). Senão você será indicada ao ambulatório mais próximo da sua residência.
 No controle pré-natal a primeira consulta é paga, as demais não. Aliás, salvo para quem pertence a alguns grupos restritos de isenção de tickets de saúde, alguns exames e consultas não obrigatórios durante o controle pré-natal são pagos, aqueles básicos e obrigatórios são isentos de ticket, portanto gratuitos. Claro, nunca vão recomendar só os obrigatórios, então se prepare para desembolsar uns bons euros para fazer um controle completo da sua gravidez. Saiba mais sobre o pré-natal na Itália no blog Sonhos na Itália.
* Pode ganhar o bebê em hospital diferente do que foi efetuado o pré-natal? Sim! Saiba como escolher o hospital.

Parto Natural ou Cesáreo?

Na Itália a prioridade é o parto natural-normal.

 Aqui a média de partos naturais é de cerca 64% dos partos. Uma média ainda baixa perto da média Europeia, de cerca 73%, mas ainda assim, bem mais alta que a brasileira: 31%.
O número de morte em decorrência de complicações no parto na Itália é de 50 mortes por ano, no Brasil esse número é incrivelmente maior (mesmo o país tendo uma população cerca 3,4 vezes maior),  de mais de 1500 mortes por ano, número influenciado pelo número de cesarianas desnecessárias realizadas. Triste. E eu fico feliz de estar tendo minha filha na Itália também por isso.
O parto natural é portanto priorizado por aqui, sendo “ajudado” com alguns métodos de indução (invasivos e não-invasivos) quando a mãe passa do tempo do fim da gravidez (40 a 41 semanas, dependendo das condições da gravidez).
 Um parto cesáreo é efetuado na Itália em caso de algumas condições específicas da mãe, problemas durante a gestação e assim, um parto cesáreo é programado. Ou então, caso o trabalho de parto natural falhe e as condições da mãe e bebê entrem em risco (como o sofrimento fetal por exemplo), partindo assim para a cirurgia.
Outro procedimento de último caso é a episiotomia (o corte no períneo), feito somente necessário para evitar dilaceração dos tecidos e ajudar a passar o bebê.
 *Quer saber mais sobre o parto, os métodos de indução ao parto natural e outras particularidades? Veja o artigo O parto na Itália: priorização do parto natural.

Esperando Laura

17886786_1004793336317486_349047137_o
 Bem, eu estou no final da gravidez, tenho contado tudo lá no meu blog, fiz já meu chá de bebê (na verdade chá de fraldas – coisa que não é nada comum na Itália, mas sim coisa de brasileiro, rs) e, estou me preparando para um parto normal! Laura vai chegar e mamãe é a pessoa mais feliz do mundo.
 Arrivederci!
Baci a tutti!
 _______________
Carla Guanais é cientista, blogueira e mora na Itália desde 2010, onde concluiu seu doutorado. Tem um blog pessoal Sonhos na Itália com muitas dicas de estudo, viagem e turismo. Veja fotos da Carla e dos outros autores seguindo nosso Instagram. Para atualizações diárias do blog e sobre viver no exterior sigam-nos no Facebook e no Twitter
3 Comentários leave one →
  1. AnaFonseca permalink*
    03/05/2017 14:11

    Oi Carla, bom “ouvir” sobre você novamente.

    Acho que na Holanda o índice de partos naturais e normais deve ser o mais alto da Europa. Deve ser uns 75% (estou chutando).
    Aqui não rola “chá de fraldas”, nem “chá de bebê” (O seu aí da foto está chiquérrimo!).
    Mas quando o baby nasce sempre as visitas aparecem com presentinho.

    Aqui também não tem essa de contar o sexo ou nome do bebê antes do parto. Dizem que a família fica tentando influenciar uma mudança, critica… Assim, eles fazem segredo até o final. quando o baby nasce eles enviam um cartãozinho anunciando o nome. E ponto final.

    E tem cada nome fofo… Felina, Phileíne, Sjors, Joke (não é piada)
    https://blogbrasilcomz.com/2010/09/19/os-estranhos-nomes-holandeses/

    Adorei “Laura”!

    Beijos.

  2. 03/05/2017 20:53

    Que linda !!!

    Parabéns, que este lindo bebê venha com muita saúde….

    Parabéns !!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: