Skip to content

Biscoitos caseiros, a tradição natalina mais deliciosa da Alemanha

07/12/2017

 Manuela Marques – Munique, Alemanha

A época do Advento vai chegando, o frio dá aquela encorpada e o corpo pede por delícias para dar graça ao inverno. E é justamente nessa época que precede o Natal que famílias e amigos se reúnem para fabricar os maravilhosos biscoitos de Natal (Weihnachtsplätzchen), uma forma maravilhosa de passar tempo juntos. A lista de tipos de biscoitos é longa, e muitas famílias têm receitas tradicionais transmitidas por gerações.

É da Idade Média que vem essa tradição: diz a lenda que monges fabricavam os biscoitos para comemorar o nascimento de Jesus. No entanto, levaram séculos até famílias comuns terem o luxo de fazer os deleites deliciosos. Açúcar, baunilha, canela e outras especiarias eram muito caras e puro luxo. Do final do século 19, os ingredientes tornaram-se mais comuns e acessíveis.

IMG_3861

Vanillekipferl, um biscoito caseiro tradicional e delicioso, que eu fiz em casa com meu filho. Aprenda a fazer ao final da postagem!

Hoje em dia, é comum na Alemanha passar algumas horas para preparar os biscoitos. As crianças colocam a mão na massa (literalmente), adoram o contato com a farinha, a massa, o rolo, as forminhas de diversos tipos. É um evento familiar, um processo do qual você quer fazer parte, que deixa a casa cheirando a canela e baunilha.

IMG_3826

Uma pequena fábrica de biscoitos caseiros: minha cozinha! rs

No Brasil não temos essa tradição e por isso mesmo para mim é algo especial. Não tenho muito talento para bolos e biscoitos, mas é uma delícia fazer parte do processo, ver os biscoitos assando no forno e depois se deliciar com os biscoitos fresquinhos acompanhados de um café. Vou dizer: é quase mágico!

IMG_4018

As crianças adoram decorar seus próprios biscoitos.

Tal magia pode ser compartilhada com os amigos. Ao invés de gastar mundos e fundos com presentes, muitas pessoas por aqui fazem uma batelada de biscoitos, colocam as delícias em caixas super caprichadas ou em saquinhos, e dão de presente. Justamente por ser algo trabalhoso, é um orgulho receber tais lembrancinhas. Isso significa que a pessoa te quer bem.

IMG_3856

Biscoitos caseiros de presente.

Existe uma variedade enorme de biscoitos, bolos e outros doces da época natalina que você pode experimentar:

Bolos

  • Stollen – Weihnachtsstollen, Dresdnerstollen, Christstollen ou apenas Stollen são os nomes comuns para este rico bolo de frutas secas em forma de pão.
    Lebkuchen ou pão de gengibre alemão – Esse nunca tentei (até porque não sou fã), mas já ouvi dizer que é mais complicado. O Pão de gengibre fabricado pelo Nurnberg Lebkuchen são bem conhecidos em todo o mundo e talvez o melhor exemplo de Lebkuchen que você possa experimentar.
  • Aachener Printen é um tipo de Lebkuchen adoçado com xarope de beterraba açucarada em vez de mel. Aachener Printen é um termo regional protegido, você encontrará padarias Printen apenas em Aachen e seus arredores.

Biscoitos

  • Schwarz-Weiß-Gebäck – estes biscoitos com efeito ¨dominó¨ são criados em vários padrões, adicionando cacau em pó a uma parte da massa. É um pouco trabalhoso, mas vale a pena.

  • Spekulatius é um biscoito temperado da Bélgica e da Holanda onde é comido durante todo o ano. Nas regiões alemãs que fazem fronteira com esses países, Spekulatius é um biscoito favorito de Natal. Um cafézinho acompanha muito bem.

  • Biscoitos de manteiga – Embora você possa comprar biscoitos de manteiga durante todo o ano, estes não são exatamente os mesmos que o Butterplätzchen feito para o Natal.

  • Vanillekipferl (traduzido literalmente para “Crescente de Baunilha”, em referência ao formato da lua crescente) – Vanillekipferl é um dos biscoitos favoritos do Natal. Aparentemente a receita original veio da vizinha Áustria, mas está como tradição na Alemanha há muito tempo. É relativamente fácil de fazer. Aprenda a fazer o Vanillekipferl, uma deliciosa opção para tomar com um cafézinho ou chá!

Receita de VANILLEKIPFERL

  • Tempo de trabalho: aproximadamente 1h.
  • Cozimento: aproximadamente 15 min.
  • Dica: Eu recomendo que você use uma balança de cozinha para obter melhores resultados. À medida que usamos o sistema métrico na Alemanha, nunca tenho certeza se eu converter grama e quilograma corretamente no sistema brasileiro de copos e xícaras.

Ingredientes:

  • 60 g de farinha
  • 160 g de açúcar
  • 400 g de manteiga ou margarina
  • 200 g de avelãs, molho ou amendoim

Além disso (após os biscoitos saírem do forno):

  • 100 g de açúcar
  • 4 pacotinhos de açúcar de baunilha (ou a gosto)

IMG_3841

Fazendo o formato crescente do biscoito: enrole como uma cobra, depois enrole um pouco nas pontas e puxe as extremidades como numa lua crescente. Pronto!

Preparação:

  • Amasse a farinha, o açúcar, a manteiga em pedaços pequenos e as nozes moídas. Deixe esfriar por 1 hora.
  • Tire pedaços médios (mais ou menos do tamanho de um pão francês) e enrole na mesa mesmo com as mãos. Corte em pedaços (do tamanho de um nhoque) e forme a massa como uma lua crescente.
  • Coloque em uma bandeja coberta com papel de forno (se tiver) e assar na segunda bandeja de baixo a 175 ° durante cerca de 15 minutos até a massa ficar dourada.
  • Misture 100 g de açúcar e pitadas de açúcar de baunilha (a gosto). Gire os biscoitos ainda mornos no açúcar e deixe esfriar.

IMG_3859

O resultado final feito lá  em casa: delicioso!

Aproveite para reunir as crianças e a família para produzir esses maravilhosos biscoitos! Frohes Weihnachten, ou melhor: Feliz Natal!

Vejo vocês em 2018!

__________________

Manuela Marques Tchoe é mãe, diretora de marketing em Munique e escritora nas horas vagas. Para saber mais sobre ela, acessem o blog pessoal Baiana da Baviera. Para ver fotos da Manuela pelo mundo e dos outros autores do blog, acesse e siga o perfil do “Brasil com Z” no Instagram. Aproveitem a onda e sigam-nos também no Twitter e nossa página no Facebook para atualizações diárias do blog e reportagens internacionais. Blog “Brasil com Z” um blog feito por brasileiros expatriados, vivendo nos quatro cantos do mundo! Quer participar do blog? Conte-nos sua história e motivação: blogbrasilcomz@gmail.com

8 Comentários leave one →
  1. 07/12/2017 13:33

    Nossa, que delícia!

  2. marlicarmen permalink
    07/12/2017 15:43

    Que lindo. Essa tradição foi levada ao sul do Brasil pelos alemães que migraram. Sempre no natal tínhamos os biscoitos de natal. Era uma delícia. As avós preparavam e os netos só na bagunça. É algo que eu tenho muita suadade. Beijos.

    • Manuela Marques Tchoe permalink
      07/12/2017 16:20

      É mesmo? Não sabia! Essa tradição ainda existe no sul do Brasil? Deve dar saudade mesmo…

  3. Cris Sotozono permalink
    07/12/2017 22:53

    Obrigada pela receita! Vou fazer!

  4. Hannah permalink
    10/12/2017 17:45

    Quero fazer! Só confirmando…. são mesmo só 60g de farinha????

    • Manuela Marques Tchoe permalink
      10/12/2017 21:10

      Oi Hannah! Na receita que fiz foi só isso mesmo. O que compensa são as amêndoas esfareladas, que dão consistência. Mas acho também que vai do gosto de cada um; a receita dess minha amiga o biscoito fica super leve. Poderia colocar mais farinha, mas ficaria mais massudo. Tenta aí e depois me diz como ficou!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: