Skip to content

Merry Christmas

23/12/2008

Flor do Exílio
Londres, Inglaterra

0603161553321uk_-_london_-_christmas_lights_l1

Natal na Regent's Street em Londres

O período que antecede a chegada do Natal em Londres coincide com a chegada do frio pra valer, dias mais curtos e muita correria de gente comprando presentes. Nas ruas, os casacos mais pesadas enfim dão o ar da graça, assim como as luvas, cachecóis coloridos, botas e gorros. Até aí, nada de mais alguém aí deve estar dizendo. Não é nada fácil descrever como a atmosfera da cidade se altera. O humor das pessoas muda com tanta coisa a se fazer que nem o tempo ruim é capaz de tirar a ansiedade não apenas das crianças que ganharão milhares de brinquedos novos como também dos adultos que se reunirão com seus entes queridos para celebrar as festas do fim do ano.

O Natal por aqui é assunto muito sério, tanto no sentido comercial como simbólico. Os ingleses costumam se preparar com bastante antecedência e cada indivíduo tem seu plano traçado de como passará cada dia do mês de Dezembro.

As principais avenidas da cidade são cuidadosamente iluminadas e as vitrines das lojas decoradas com enfeites natalinos. Cada uma das ruas mais famosas promove um evento especial com shows musicais e celebridades são convidadas apenas para acender as luzes, com direito inclusive a contagem regressiva.

É nessa época também que ocorrem as tradicionais festas de Natal dadas pelas empresas aos funcionários, além dos almoços natalinos entre colegas de trabalho. Organiza-se o secret santa (amigo secreto) entre amigos ou familiares e cartões de Natal são enviados e recebidos aos mais chegados. Os principais reality TV shows vão chegando ao fim (X-Factor e Strictly Come Dancing) enquanto começam a pipocar os programas de como preparar a ceia de Natal.

No metrô, apesar do frio nas ruas, o calor nas plataformas e dentro dos trens é um sufoco só. O aperto fica ainda pior com as sacolas de compras cheias de presentes que as pessoas levam pra casa. É proibido por lei o consumo de álcool no transporte público mas nada impede os passageiros de pegar o metrô já bêbados. Enquanto normalmente pode-se ler um livro tranquilamente no caminho de volta pra casa sem ser perturbado, nessa época o metrô fica mais barulhento com muita gente bêbada além do normal.

Mesmo com a crise financeira internacional afetando o Reino Unido drasticamente, alguém que não acompanha o noticiário jamais perceberá ao passear pela Oxford Street que o país se encontra à beira de uma recessão. Milhares de pessoas endividadas até o pescoço fazem questão de gastar o que for necessário apenas para ter o prazer de passar as festas da melhor maneira possível, mesmo que isto signifique contas bancárias no negativo e pagamento de juros estratosféricos no cartão de crédito. Não existe o conceito do cheque pré-datado por aqui e também não se parcela em três ou dez vezes sem juros, mas existem outras tantas formas de se endividar através de empréstimo bancário e ofertas de cartão de crédito.

A correria se alastra pelos aeroportos, estradas e estações de trens em toda parte com gente ou fugindo do frio para um canto quente mundo afora ou viajando para passar com a família que mora em outra cidade ou no exterior. Não costuma nevar em Londres durante o Natal, mas mesmo assim o mau tempo provoca problemas de transporte e transtorno aos viajantes.

xmas

Christmas Stockings

Os que vão receber convidados preparam a decoração da casa e a comida a ser servida. Supermercados lotam e prateleiras se esvaziam rapidamente. Uma ceia de Natal não pode deixar de ter um bom peru assado com molho, couve-de-bruxelas, mince pies (tortinhas de geléia de frutas), o Christmas Pudding e muito, mas muito álcool mesmo. O mulled wine, o equivalente ao nosso quentão porém feito com vinho tinto, é bem popular no inverno mas bebe-se praticamente qualquer coisa que contenha álcool. Embaixo da árvore de Natal, os presentes devem estar todos já embrulhados e aguardando o dia 25 para serem abertos. Onde há crianças, penduram-se os stockings na lareira. São meias vermelhas gigantes que o Father Christmas (a versão inglesa do Santa Claus) encherá de presentes ao descer pela chaminé.

Enfim, é Natal!

Tudo começa a se acalmar na noite do dia 24. O comércio fecha e o trânsito diminui. Os mais religiosos vão à igreja para ouvir o coral natalino das crianças e logo em seguida para a missa da meia-noite. Não há como no Brasil toda aquela expectativa para chegada da meia-noite para os abraços e troca de presentes. Todos vão dormir normalmente, exceto pelas crianças que mal podem esperar pela manhã do dia seguinte. É que o Father Christmas vai estar passando pra deixar os presentes.

554030v1

Christmas Crackers

No dia seguinte, após a troca de presentes as famílias se reúnem para o Christmas Dinner que na verdade é o almoço de Natal. Durante a refeição, estouram-se os Christmas Crackers. São tubos de papel embrulhados no formato de uma bala gigante onde duas pessoas puxam uma de cada lado até que um lado cede e há uma pequena explosão como se uma bombinha tivesse estourado. Dentro do tubo, encontra-se um presentinho que pode variar dependendo de quanto se pagou pelos crackers, um papelzinho com uma piada e uma coroa de papel que todos colocam na cabeça. Às três da tarde, assiste-se na televisão ao discurso da rainha.

O dia 26 também é feriado, o chamado Boxing Day. Muitos aproveitam para passar esse dia com a outra parte da família, assistindo futebol ou indo às compras. É nesse dia que as lojas oficialmente começam a liquidação das roupas de inverno.

A passagem do Ano Novo também é comemorada com fogos de artifício, porém não há nada daquela expectativa da chegada do Natal. O frio faz com que a maioria prefira passar a virada dentro de casa assistindo televisão com a família.

Feliz Natal e um bom 2009 a todos!

2 Comentários leave one →
  1. persistenciadamemoria permalink
    25/12/2008 14:17

    Realmente, quanto ao tempo, uma fez conversei com um europeu sobre o clima tropical e ele nao conseguia entender, como nos, brasileiros conseguiamos viver sem as mudancas bruscas climaticas.
    Para ele, as mudancas climaticas acompanham fases necessarias aos sentimentos humanos.
    Entao o natal na europa tem um gosto diferente. Eh uma alegria em meio a frieza do inverno.

Trackbacks

  1. As quatro estações de Londres « Brasil com Z

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: