Skip to content

Karneval em Colônia

25/02/2017

 
bz_alemanha Débora Basso- Colaboradora

Informações básicas: o carnaval na Alemanha não é no país inteiro, só na região onde eu por sorte vim morar. E Köln (Colônia, em português),  uma cidade a 30km de onde eu moro, é o centro de tudo isso. Começa na quinta-feira e vai até a segunda, e cada dia tem eventos diferentes, vários desfiles e coisas do tipo.

Basicamente, funciona assim:

1. TODO MUNDO se fantasia. TODO MUNDO mesmo, desde crianças de colo até pessoas com a idade da minha vó. E o mais legal é que a maioria não se veste pra ficar bonito, mas pra dar risada mesmo, então volta e meia tem um palhaço dentro do ônibus, um urso e um brócolis andando na rua, um cactus, uma sinaleira e uma escova de dentes dançando na boate, e por aí vai. O pessoal é muito criativo mesmo, e nesses dias quem anda na rua com vergonha é quem não tem fantasia.

BLOG Carnaval Alaaf

2. Todos os bares e boates tocam musica de carnaval o dia inteiro, às vezes com caixas de som pro lado de fora, na rua. E alguns outros estabelecimentos, do tipo uma lavanderia e uma auto escola, também!!! Juro, vi gente fazendo festa numa lavanderia, usando as máquinas de lavar de mesa pra largar a bebida. E os alemães sabem todas as músicas de cor, e cantam muito empolgados (eu consegui aprender algumas!). E claro que se ouve cada uma delas 1000 vezes por dia, então vou cantar elas a semana inteira agora. Pra quem quiser entrar no clima, escuta ai: Viva ColoniaKölle Alaaf

BLOG Carneval Koln

Carnavalescos em Colônia, foto via jayandliz.ca

3. Todo mundo fica bêbado. Se ve gente tomando cerveja a QUALQUER hora do dia ou da noite. Mas pra quem pensa que alemão só toma cerveja, tá mais que enganado. Outra coisa muito popular sao uns licores que se vende em mini garrafinhas, e se carrega em qualquer bolso… elas tem desde Jägermeister (um licor de ervas, tipo Underberg) até um licores de origem duvidosa, mas são muito práticas!

4. Eventos. Tem eventos diferentes cada dia. Na 5a feira é o dia das mulheres, no sábado tem um desfile de fantasmas… e na 2a é o mais legal, um desfile de pessoas e algo parecido com carros alegóricos, que jogam doces pras pessoas! É só gritar “Kamelle!!”, e uma chuva de balas e chocolates cai na tua cabeça!

BLOG Caraval Koln

Foto via koelner-karneval.org

E é isso. Ou seja… fantasias, festa, bagunça e bebida. Precisa mais?? Esses foram os 5 dias do ano que eu vi a Alemanha com mais gente, mais barulho, mais sujeira e todo mundo muito mais sorridente. Queria que fosse carnaval o ano todo… pra quem tem o estereótipo de alemão sério, sem graça e que não dança, vem pra cá no carnaval! Aposto que tu vai querer voltar todo ano! 😉

“Alaaf you!”

_________

Sigam-nos no Instagram para ver as fotos dos nossos autores. Sigam-no também no Facebook e Twitter

Tem carnaval nos Estados Unidos?

24/02/2017

EUARenata Kotscho Velloso
San Francisco, EUA
 

O pessoal do Brasil com Z pediu para eu escrever sobre o carnaval para gente conhecer as tradições ao redor do mundo dessa festa tão popular no Brasil. Foi aí que eu me dei conta que estávamos em pleno carnaval!

Aqui nos EUA, especialmente na Califórnia a gente nem ouve falar sobre o carnaval. Por isso se não fossem os amigos brasileiros comentando sobre o assunto nas redes sociais a gente facilmente esqueceria da data.

Aqui nos EUA não há feriado de carnaval, é uma semana como outra qualquer seja na escola, seja no trabalho. Claro que nas regiões onde tem mais brasileiros, como em Nova Iorque e na Flórida, mais pessoas comemoram o carnaval e, alguns americanos acabam entrando na festa, mas não é a regra.

Em alguns lugares, principalmente nos estados de origem colonial francesa, como a Louisiana, existe o Mardi Gras. O termo significa terça feira gorda e corresponde à terça feira de carnaval. Nesse dia a tradição é encher a cara de bebida e comida e aproveitar para festejar antes do período da quaresma, ou seja, colocar o pé na jaca.

O Mardi Gras, cujo termo em inglês é Fat Tuesday hoje é considerado basicamente uma festa dos solteiros, em resposta ao Valentines Day que é o dia dos namorados , que foi comemorado no dia 14 de fevereiro e que obviamente, é uma festa de casais.

Mas pelo menos por aqui a popularidade do São Valentino, o padroeiro dos apaixonados é bem maior. As lojas estão todas decoradas de corações vermelhos e rosa. Quem quer confete e serpentina tem que procurar.

 

400668_10201095385301606_540323578_n

Não tem carnaval por aqui, mas a gente sempre dá um jeitinho de sambar.

_______

Renata Velloso é médica e mora em São Francisco, onde é responsável pelo projeto Doctors on the Cloud onde ensina médicos a se tornarem nômades digitais ou desenvolverem projetos que possibilitem mais liberdade na carreira. Sigam-nos para atualizações diárias no Facebook, Instagram e Twitter. Blog Brasil com Z, um blog feito por brasileiros vivendo nos quatro cantos do mundo! 

Carnaval de fantasias e gostosuras

24/02/2017

bz_italia

 

Carla Guanais – Roma, Itália

Não sou muito fã de carnaval. Mas gosto sim, e muito, de conhecer diferentes tradições, e não é diferente em relação a essa festa.

No Brasil tive a oportunidade de conhecer o de Olinda e de Recife e, sou curiosa pra ver a muvuca em Salvador, mas confesso que não é uma coisa que aguentaria todos os dias, muito menos todos os anos.

Na Itália, foi somente em 2012 que tive a oportunidade de ir ao Carnaval de Ivrea, o da guerra das laranjas. Que, na minha opinião, é o mais diferente de tudo o que possa se imaginar sobre carnaval. Escrevi sobre a experiência no meu blog (leia em Ivrea e lo storico carnevale).

O carnaval na Itália, seja guerra de laranja, máscaras ou carros alegóricos, é fantasia! Voltar no tempo, ser outra pessoa, curtir em família, com as crianças… Sim, o carnaval é muito mais focado nas crianças. Nos supermercados e lojas tem tudo de carnaval para i piccoli , fantasias, confetes, spray de espuma ou borracha, maquiagens para pintar o rosto, acessórios e muito mais. Tem também para adultos claro, mas o foco é mesmo nas crianças.

I bambini (foto: www.mlmagazine.it)

I bambini (foto: mlmagazine.it)

Algumas cidadezinhas são tão radicais quanto a querer prevalecer a ordem e paz pública que proíbem que adultos se fantasiem e brinquem o carnaval pelas ruas, como é o caso da cidade de Polla, em Salerno, sul da Itália, que limitou a fantasia e máscaras apenas para crianças e adolescentes até 14 anos no máximo.

Leia mais…

Como é trabalhar na Índia? Parte 2

23/02/2017

bz_italia Juliana Paula – Índia

Esse post e uma continuação da minha primeira postagem sobre Trabalhar na Índia.

O idioma

Com tantas línguas no país, você deve estar pensando: Afinal, que língua os indianos usam no ambiente de trabalho? Depende. Depende da empresa e de onde ela fique. Vou dar um exemplo. Na primeira empresa que trabalhei, uma empresa de tradução e edição de textos em inglês, a grande maioria dos funcionários tinha um inglês impecável, havia um grande número de estrangeiros em diversos departamentos e, a língua mais usada, era o inglês mesmo. Porém, quando tinham que falar com a faxineira ou com o tiozinho da portaria, eles usavam o hindi ou o marathi (língua daqui do estado de Maharashtra). Já em Delhi, a maioria faz questão de usar o hindi, mas com os estrangeiros, claro, eles vão falar em inglês. Na empresa onde trabalho atualmente, aqui em Mumbai, a maioria fala em inglês, misturado com hindi e um pouco de japonês (já que todos os funcionários sabem japonês). Já no nosso escritório em Chennai, no sul da Índia, eles têm muito orgulho de sua língua local e, só usam o Tamil entre eles. Quando vou lá, eles falam comigo em inglês ou japonês. Mas, na maioria dos escritórios, você, estrangeiro, terá que se comunicar em inglês.

Como se vestir

Mesmo estando em uma empresa grande ou multinacional, você ainda está na Índia, um país extremamente conservador e machista. Os homens, não terão muitos problemas com as vestimentas, creio eu. Já as mulheres, devem tomar cuidado para não usarem decotes ou roupas que mostrem demais os braços, por exemplo. Roupas apertadas também devem ser evitadas.

dressing-up-to-work-in-india

Leia mais…

Como é trabalhar na Índia? Parte 1

21/02/2017

bz_indiaJuliana Paula – Mumbai, Índia

Olá, pessoal!

Através do meu canal e blog, recebo muitos e-mails de pessoas querendo saber como é trabalhar na Índia. Algumas, estão estudando uma proposta de trabalho, outras simplesmente querem morar na Índia por um tempo e decidiram procurar algum trabalho aqui e, outras, simplesmente por mera curiosidade. Seja lá qual for o motivo, todos são válidos e, espero que através deste texto, vocês considerem todos os fatores e façam a melhor decisão.

job

Talvez um dos maiores choques que eu tenha encontrado aqui na Índia, seja relacionado a maneira de eles trabalharem e as regras em uma empresa. No Brasil, trabalhei quando jovem apenas por 2, 3 anos, dando aulas na faculdade e em cursinhos de idiomas pelo Rio de Janeiro. Em 2007, me mudei para o Japão e, aí, sim, comecei a trabalhar em tempo integral, com benefícios, férias remuneradas…enfim, como “gente grande”. Apesar de nada ser fácil no início, logo me adaptei ao modo japonês de trabalhar e, é algo que gosto e trago comigo até hoje, mesmo já tendo deixado o Japão há 4 anos.

Leia mais…

Shopping Center no Japão

17/02/2017

japão W. Anderson – Japão

Quando se fala  sobre o Japão, logo muita gente pensa em robôs e inteligência artificial, proporcionando a qualidade de vida que muitos desejariam ter nos dias de hoje. Talvez, pela exploração do mito de ser um país que serve ao mundo com Tecnologia de Ponta, o Japão esteja associado desta forma.

Quando ainda recém chegado por aqui, ouvia outros brasileiros dizendo que iriam “passear no shopping” no final de semana. Aquilo ficava martelando na minha cabeça.  Afinal de contas, pensava eu, deve ser um shopping muito bonito, grande, com muitas lojas, etc. e tal, pois era numa cidade vizinha e, portanto, deveria ter muitas opções. Ledo engano… Em minha primeira visita, a decepção foi 1000%. Isso que vocês chamam de shopping?

Para quem é de São Paulo, podem fazer idéia da decepção que tive. Eu ainda pequeno, lembro que shopping mesmo, era só o Iguatemi, em Pinheiros, que para mim, era um lugar de difícil acesso nos anos 70, pois era necessário ir até o centro (Anhangabaú) e de lá, pegar outro ônibus para o bairro de Pinheiros. Por isso, foram pouquíssimas vezes que ainda criança, eu fui em um shopping. Lembro muito bem, quando o Shopping Ibirapuera foi inaugurado.

Leia mais…

Guia prático de esportes de inverno na França

15/02/2017

bz_franca Fabio T – Normandia, França 

Olá leitores do Brasil com Z! Eu e meus colegas autores deste blog já escrevemos vários artigos de como passar melhor o inverno em países de clima temperado (“Como sobreviver ao inverno alemão”, “Inverno na Europa”, “Adaptar-se à um novo país no inverno”). E agora é minha vez de dar uma dica de como passar o inverno. 

Uma maneira de divertir-se é aproveitar o que esta estação do ano tem de melhor, na minha opinião: Poder praticar esportes nas montanhas! E um ótimo lugar para praticá-los esporte é na França. Aqui está um pequeno guia prático dos esportes de inverno na França e as dicas deste guia podem até ser úteis em estações de inverno em outros países.

Bom proveito!

Quando ir?

A temporada de abertura das estações é de meados de dezembro até começo de maio; mas atenção, estas datas variam em função da quantidade de neve que cai e da altitude da estação de esqui, geralmente, quanto mais alta, mais cedo abrem e mais tarde fecha.

Aconselho ir fora da temporada das férias escolares francesas:

  • férias de fim de ano: de meados de dezembro à começo de janeiro
  • férias de inverno: todo o mês de fevereiro.

Onde ir?

A França possui várias regiões para a prática dos esportes de inverno :

No Sudeste, as famosas regiões dos Alpes.

No Leste, os maciços do Voges e do Jura.

No centro, o maciço central.

No Oeste, as montanhas dos Pireneus.

Neste artigo vou dar mais em detalhes sobre a região dos Alpes Franceses que eu tive o prazer de ir.

regiões para a prática de ski (fonte: trouver-tout.fr)

regiões para a prática de ski (fonte: trouver-tout.fr)

Leia mais…

%d blogueiros gostam disto: