Skip to content

Curiosidades “ticas”

26/07/2010

Barbara Basso
 Costa Rica

 

* Confusões lingüísticas: Aqui na Costa Rica, os nativos são chamados “ticos”, eles andam em “busetas” (uma buseta aqui é um ônibus pequeno… o engraçado é que tem uma empresa que se chama “Busetas Heredianas”) e eles comem, no café da manha, “pinto”, que pode vir acompanhado de ovos (“pinto” é um prato de arroz e feijão misturado, com cebola e pimentão… e sim, eles comem isso no café da manhã!)

* Endereços: Aqui não existem nomes de rua nem números de casas. Os endereços são dados em pontos cardeais e metros. Por exemplo,  o endereço do lugar onde eu trabalho é: 200m norte y 15m este del parqueo del Hotel San José Palacio. La Uruca, San José Costa Rica. (ou seja: 200m norte e 15m leste do estacionamento do Hotel São Jose Palácio. La Uruca é o bairro). O endereço dado em pontos cardeais e metros é o endereço oficial, só que é claro que as pessoas normais não andam por aí com bussola e fita métrica pra saber como encontrar o lugar que estão procurando. Então o endereço que eles usam fica mais ou menos assim: “Entras en el AMPM de Sabanilla, pasas 3 muertos, en el segundo portón a la mano derecha”. (traduzindo: AMPM é um supermercado, Sabanilla é o bairro, “muertos” são os quebra-molas – esse é o endereço onde eu morei na minha primeira semana aqui)

* Exército e Qualidade de vida: O país não possui exército! O governo daqui decidiu investir em educação e não em armas!! 🙂 Parece que funcionou, já que o nível de alfabetização é superior a 95%. E o IDH (Índice de Desenvolvimento Humano, que mede, além da alfabetização, o PIB e a expectativa de vida) da Costa Rica é de 0,85 (maior que o do Brasil). Ah, sim… isso também significa que a expectativa de vida aqui é alta: 78,8 anos (a mais alta da América Latina).

* Comer frutas com sal: “Ticos” adoram comer frutas com sal: pegam frutas meio verdes (manga, goiaba) ou frutas ácidas (limão, laranja), colocam um pouquinho de sal e… comem!

 * “Guacala“: Sabe o “eca!” que a gente diz quando tá com nojo? Aqui se diz “guacala”! Acho muito engraçado.

* “Teu cabelo tá feio. Tu tá gorda“: Aqui é normal dizer essas coisas pras pessoas…pelo menos entre mulheres! E nem precisa ser aquela amiga íntima que te diz essas verdades com intenção de ajudar. Podem ser pessoas aleatórias mesmo (do tipo a empregada daqui da ONG um dia veio e me disse “Tu engordou né?”… pra mim soou muito grosseiro!)

* Os homens casam cedo (e têm filhos e fazem vasectomia cedo também): Já conheci muitos guris aqui que são casados/divorciados/tem filhos e têm menos de 30 anos. E muitos com mais de 30 que são separados e tem filhos grandes (12-15 anos). E a maioria deles, depois do(s) primeiro(s) filho(s), fez vasectomia (e até sei de um caso de um que casou de novo e aí fez uma cirurgia de reversão da vasectomia, pra poder ter filhos com a esposa nova… e ele tem uns 35 anos, calculo eu)

* As mulheres se maquiam. Muito: Todos os dias no ônibus, indo pro trabalho, tem pelo menos uma guria com um lápis de olho/rimel/delineador e um espelhinho. Todas as “ticas” andam com os olhos pintados. Sempre.
Até já nos disseram uma vez: “dá pra ver que vocês são estrangeiras, porque não usam maquiagem“.

* Eles acham normal bater nos filhos: Esses dias, no almoço, estava sentada na mesa com o pessoal daqui do trabalho e eles começaram a falar de educação dos filhos. Todos eles disseram que apanhavam dos pais e que batem (ou bateriam) nos filhos. Porque isso é normal, é a forma correta de educar os filhos… que trogloditas!

* Ticos odeiam Nicas: Ticos = pessoas da “Tiquicia” (Costa Rica). Nicas = pessoas da Nicarágua Os “nicas” vêm muito para a Costa Rica procurando melhores oportunidades de trabalho. É bem comum encontrar “nicas” trabalhando como empregadas doméstica, segurança, etc… E são muito discriminados pelos “ticos”: falam muito de “coisas de nica”, falam deles depreciativamente como “paisas” (não, nada a ver com os “paisas” colombianos, de Medellin)… reclamam que eles “estão invadindo a Costa Rica”, etc, etc… E os pobres nicaraguenses se sentem tão inferiorizados que eles mesmos acreditam que é justo que eles sejam discriminados. 😦

* Influência dos EUA: Talvez pelo turismo gringo (gringo = alguém dos EUA) aqui, talvez pela proximidade (!?!), talvez porque a maioria dos “ticos” adoraria morar nos EUA… mas tem muita influência deles aqui… seja nos inúmeros e incontáveis fast-food que eles têm aqui, seja quando me vendem um “burrito de meia libra“, ou que é pra tomar “1 onça” de algo… quanto diabos é isso??  E o pior é que já perguntei pra pessoas daqui quanto era meia libra e a pessoa não sabia me responder. Afinal, eles usam as medidas iguais às nossas, só que aprenderam a comprar dos gringos nas suas medidas.

* O trânsito: San Jose (e todo o “Vale Central”) tem uma urbanização péssima: são poucos os caminhos pra cruzar a cidade (pra ir da minha casa até o trabalho existem 2 caminhos, só! Assim se acontece um acidente – que são bem frequentes – todo o trânsito para), a maioria das ruas tem no máximo 2 pistas (e que em geral se convertem em uma só logo em frente, o que causa uma fila gigante) e, com isso, um trajeto que levaria 10 a 15min (como ir da minha casa pro trabalho) leva no mínimo 1h – 1h30 em horários de pico (e, óbvio, como o horário de ir e voltar pro trabalho é horário de pico, eu SEMPRE levo esse tempo pra chegar no trabalho). Ah, e sem comentários para a forma “tica” de dirigir: se enfiando na frente dos outros carros, buzinando pra pedir espaço, acelerando quando alguém tenta te ultrapassar, com motos cruzando pelo meio do caminho…

* Praias: Quando soube que vinha pra um país entre o Oceano Pacífico e o Mar do Caribe, fiquei tri empolgada: PRAIA!!! Só que não é bem assim. Ainda não conheci nenhuma praia daqui que ganhe de Floripa (e muito menos do nordeste brasileiro). E sempre me dizem “Ah, mas é que as praias mais bonitas são as que estão longe de San Jose” e essas praias ficam há 5h – 6h de viagem. E tem só 3 ou 4 ônibus por dia… e todos entre as 6h da manhã e as 5 da tarde… nenhum de noite (ou seja, não dá pra usar aquele truque de viajar toda a noite e aproveitar o dia… e nem pra ir depois do trabalho e poder aproveitar o dia seguinte inteiro na praia). Então pelo jeito ainda não conheci (e nem vou conseguir conhecer) as tais praias bonitas daqui.

E a paisagem das praias aqui é bem diferente do que a gente tá acostumado: na maioria das praias a areia é preta (ou cinza) e a água do mar também é escura, porque como tem muitas ondas, elas reviram a areia e o mar fica cor-de-areia. Tem muitos coqueiros e muita vegetação na beira da praia (nada de dunas! aqui a beira da praia tem é mata! verde! e, claro, sombra!) e a água é extremamente quente!!! Às vezes o mar nem chega a ser refrescante… é praticamente a mesma temperatura dentro e fora d´água… tu praticamente fica suando enquanto toma banho de mar. Um dia com uns amigos daqui, entrei no mar (e a água tava fresquinha) e eu “Nossa! Que delícia!” e eles não entraram porque a água tava “muito fria”… fiquei imaginando eles nas praias do Rio Grande do Sul…

______________

Blog Brasil com Z, um blog feito por brasileiros expatriados dos quatro cantos do mundo. Sigam-nos no Instagram para ver fotos dos nossos autores em diversos países. E nossa pagina no Facebook para atualizações diárias de estudar, trabalhar e viver fora do Brasil. Acesse nosso Twitter aqui. Agradecemos! 

15 Comentários leave one →
  1. 26/07/2010 11:53

    AMEI esse post! Muito criativo e interessante! Parabéns!

  2. 27/07/2010 0:03

    Olá Barbara,
    Adorei o seu post! Muuuito boa essa de colocar um pouco dessas “diferenças”, que só mesmo quem mora no lugar é que sabe.
    Bjocas =D

  3. 27/07/2010 13:40

    Esses posts de curiosidades dos outros países sao os que acho mais legais! Adprei saber essas coisas!

    Beijos

    • 28/07/2010 15:54

      Obrigada, Nadja!!

      Escreve um com as curiosidades da Argentina! 😉
      (posso colaborar também, morei aí por 1 ano…)

      beijos!

      • 28/07/2010 20:59

        hehe já escrevi uns dois, é só procurar nos arquivos do blog! 🙂 Beijos

  4. persistenciadamemoria permalink
    01/08/2010 22:03

    Barbara,
    Fiquei muito curiosa para conhecer Costa Rica depois desse post.
    Tem foto das praias?
    Beijos

  5. Cyril permalink
    03/08/2010 19:37

    Eu sou da Costa Rica e foi viajar pelo Brasil por 3 meses. Muitas coisas no post é muito verdadeiro, e engraçado!

    Concordo que as praias brasileiras são melhores. (e também as meninas!)

    No entanto, nem todos nós somos racistas contra os nicaragüenses.

  6. barbarabasso permalink
    03/08/2010 20:59

    Cyril! Obrigada pelo comentario! 🙂

    E sim, eu generalizei no post… obvio que sempre há exceções 😉

    Ah… e esse fim de semana fui pra Nicarágua com 3 ticos… e eles se surpreenderam com a amabilidade do povo nica… uma das gurias até disse que “todos os ticos deveriam vir pra cá pra ver que os nicas são boas pessoas e pra perder esse preconceito” 😉

  7. rodolfo castro permalink
    09/08/2010 23:47

    Oi, sou costarriquenho, moro em Curitiba, Na Costa Rica eu moraba em Escazu, San José e posso acreditar o que Barbara falou! é muito engrasado escutar essas coisas do meu pais!

    Pura vida!

    Rodolfo

  8. Anna Luísa permalink
    29/11/2010 16:38

    amei as curiosidades! ;D

  9. Ricardo permalink
    22/12/2010 10:56

    Oi, eu tambem sou da Costa Rica mas agora estou passando umas “ferias” no Brasil, moro num bairro pobre perto do aeroporto de Guarulhos, nao vou justificar o precoceito que existe no meu pais contra os nicas, mas se vc pesquisar um pouquinho entenderia que nao e simplesmente por rejeitar, o nica que chega ao meu pais e inculto, algumas vezes sem educacao entao o que acontece e que as vezes nao consiguem emprego e tem que viver como marginais, muitas vezes viram malandros e vao morar em favelas, ou seja viram cargas socias no meu pais alem disso os “politicos” nicas sao bem estupidos e sempre procuram um jeito para brigar com CR, nao sao bons vizinhos!! Aquinao da para explicar muitas coisas alem disso estou escrevendo desde meu iPhone… Eu espero conhecer alguma praia logo pq o unico que tenho visto e o baijo e o centro de Guarulhos. Beijos e abracos

  10. Alexander permalink
    28/10/2012 11:19

    Achei que era Dinamarquesa escrevendo desse jeito… com todos esses defeitos que vc fala ai sobre a Costa Rica e critica ate parece que não gostou muito neh… bom achei legal comentar mais uma coisa

    http://www.cnngo.com/explorations/life/denmark-ousted-100-latest-worlds-happiest-country-561826

    Pode ficar mais claro depois de ver este link acima. Legal saber que tem paises que com todos os defeitos seguem sendo os melhores!!!

    Abs,

    Alex.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: