Cozinhar e comer é um tema que eu constantemente escrevo no meu blog tanto pelo fato de as pessoas me perguntarem como estou me virando, como também pra mostrar o quanto devemos ser criativos na hora de comer.

Tem gente que diz que comer nada mais é que simplesmente uma necessidade fisiológica, mas pra mim comer precisa ser além de uma necessidade, uma coisa que te de prazer. Com certeza a quantidade de comida importa muito, mas mais vale um prato razoável com muito sabor do que um prato imenso sem nenhum sabor.

E por falar em comida hoje vim ensinar vocês a fazer AREPA.

Arepa? O Que é Arepa?

Segundo a Wikipedia, a arepa é uma torta de massa de milho ou de farinha de milho pré-cozida de forma circular e semi-plana.

Vou falar pra vocês, a primeira vez que comi arepa foi em Bogotá, na Colombia, e nessa vez eu comprei uma arepa meio amarelada, que parecia mais uma torta de creme de milho. Muito estranha! Mas no dia seguinte descobri que aquela era um tipo de arepa, há outro que depois provei, e aprovei, que era de uma massa mais clara, mas sequinha e cujo sabor era bem melhor.

Quando cheguei na Venezuela uma das primeiras comidas que me falaram foi da Arepa eu fiquei desconfiado, será que eles têm os dois tipos? E aqui não é que nem na Colombia que em cada esquina se vende arepa.  Aqui as pessoas preparam e comem mais em casa.

Eu ainda não tinha comido, até que um dia me explicaram como fazia, e como eu tinha um pacote de “harina pan” (assim que chamam a farinha de milho que se faz a arepa) que tinha ganho da AIESEC num Kit de boas vindas, resolvi arriscar e lógico com a câmera na mão.

Primeiro tem que colocar uma determinada quantidade de água em uma vasilha e temperar com sal.

Dependendo da vontade a pessoa pode colocar outros temperos também a última vez que eu fiz (hoje) eu coloquei um pouco daquele tempero que a gente compra pronto que vem com sal, pimenta do reino, alho e outros mais.

Depois você coloca a mesma quantidade que colocou de água, de harina pan e vai misturando até a massa soltar da mão, é muito rápido.

Daí você faz pega uma bola de massa e vai amassando em círculos da grossura que preferir, eu confesso que gosto mais das fininhas.

Pra fritar eles colocam numa chapa como essa que fica em cima do fogão e vai virando de vez em quando até ela ficar douradinha e bem sequinha.

Depois é só degustar com o que quiser, ovo, queijo e presunto, picadinho, carne mechada, frango, o que preferir.

Ahh a arepa é “pau pra toda obra”, se come arepa no café da manhã, no almoço e/ou no jantar… é bem versátil.

Se quiserem acompanhar minhas peripécias culinárias é só procurar que no meu blog clicando aqui.

Abraços e “Hasta Pronto“.