Skip to content

O meu novo “eu”

20/03/2011

Karine Smith
Dublin, Irlanda

 

A ideia inicial dessa postagem era que eu falasse sobre 3 coisas que mudaram no meu comportamento desde que escolhi a Irlanda para morar, há alguns anos atrás, mas como sou pessoa altamente influenciável pelo ambiente em que vivo, 3 pra mim é muito pouco e a lista –resumida –  ficou assim:

1) Respirar antes de usar a buzina: Aqui além de não ser hábito e considerado rude, dependendo do local você pode ser multado.

2) Comer sem arroz e feijão: Foi difícil e agora passo meses sem, até lembrar que eles existem e comprar uns quilos na loja brasileira. Aliás, eu também não fazia feijão antes só comia, a fazer aprendi aqui.

3) Ser Dona-de-casa: Tá aí uma coisa que eu nunca pensei que eu pudesse ser, tive que vir para o outro lado do mundo pra descobrir meu talento nato para housewife (cof-cof).

4) Não lavar o cabelo e nem sair com ele molhado toda vez que tomo banho: Ainda não aderi ao banho semanal (quem sabe daqui a uns 15 anos eu não me converta?), mas o cabelo já não lavo todos os dias e quando lavo, nunca , jamais, em hipótese alguma saio com ele molhado.

5) Mandar cartões: Nem me lembro quando foi o último que mandei quando morava no Brasil, mas agora virou hábito.

6) Sair sozinha sem marido: Sem namorado no Brasil eu saía, mas sem marido…

7) Andar: Sempre fui dependente de carro e aqui apesar de usar bastante, faço muitas coisas a pé.

8) Sair mesmo com chuva: Morando em um país onde a chuva faz parte do visual da cidade, não dá pra esperar por tempo bom pra ser feliz e colocar a cara na rua.

9) Fazer a minha unha: Tudo bem, não é sempre, mas não passo sufoco, se eu estiver precisando muito eu mesma faço, coisa que pela facilidade que eu tinha no Brasil não era hábito.

10) Fazer amigos online: Nunca acreditei muito em relações virtuais de qualquer gênero, mas morando fora o Ká.Entre.Nós se tornou um canal enorme de comunicação com os leitores e já me rendeu várias tardes animadas de encontros com pessoas legais e muitas amigas, coisa que se eu estivesse no Brasil, tenho certeza, não faria.

6 Comentários leave one →
  1. 20/03/2011 12:33

    Levando em conta o valor de uma manicure decente aqui em Berlim, pelo menos, fazer as próprias unhas é uma economia mensal de, no mínimo, 60 euros, viu? rrsrs Tô nessa também!
    Bjs!

  2. 20/03/2011 19:04

    Alguns novos hábitos são básicos, né? Todos os relacionados com os “cuidados com a beleza” acho que vão repetir muito por aqui!

  3. 20/03/2011 20:19

    Eu tambem acho que é o que nós brasileiras mais temos que nos adaptar, fora a comida! hahahaa

  4. Maite permalink
    20/03/2011 20:32

    Nossa Ka,

    aconteceu quase TODAS essas mudanças comigo também, a diferença é a buzina, pq não tenho carro… mas de resto, até feijão eu aprendi a fazer aqui também! Na verdade eu descobri aqui que eu sou boa pra cozinhar, pq antes nem tentava!

    beijos

  5. 27/03/2011 11:20

    Adorei o post!! =D Muito legal mesmo.
    Essa do cabelo, eu estou sofrendo aqui. A água de Dubai não é como a do Brasil, eles usam a água do mar e tiram o sal… já sentiu o desespero? rs Lavo dia sim e dia não, mas a vontade é de lavar uma vez por mês porque a cabelo fica horrível.
    É raro não escutar um brasileiro comentando: “nossa, meu cabelo tá caindo tanto!”, “como meu cabelo mudou, a textura é completamente outra …” e por ai vai.
    Infelizmente faço parte desses comentários. Até comentei em um outro post que aqui tenho que usar condicionador e óleo – coisa que no Brasil nem passava perto!

    Fazer unhas era MANIA minha no Brasil. Desde nova pegava o meu kit e ficava lá. Nem sei qto custa fazer unha em Dubai pq isso é um hobby pra mim. rs Só que esmalte aqui é caro, um potinho sem marca famosa sai por uns 6 reais ou mais. Eu que reclamava do preço do Colorama (e cia) por 2 e alguma coisa no Rio. rs Trago tudo do Brasil. Mala vem cheia e as amigas gringas já estão pedindo para eu trazer pra elas! hahahahaha

    Sinceramente, acho que não saberia comer sem arroz. Seria estranho e difícil demais isso pra mim! Arroz ai é caro ou não? E feijão?

    Bjs e parabéns pelo post.

    Manddy
    http://tourdubaiguide.blogspot.com

  6. 04/03/2012 9:42

    Queria comentar mais fiquei ate com vergonha, so as meninas comentaram. Mas ja que seu post e sobre mudanca de comportamento, vc acabou me encorajando a comentar. Se tem uma coisa que aprendi aqui na Europa, especificamente na Irlanda, e perder a vergonha por coisas simples. No Brasil, so ia pra rua para fazer algo, muito bem vestido, aqui na Irlanda me acostumei a sair do servico, fui mecanico aqui por dois anos, e ir ao mercado ou qualquer outro local publico todo sujo de graxa, e normal vermos as pessoas com a roupa suja do servico fazendo compras e ninguem repara. Outra mania que peguei com os irlandeses, como vc tambem, foi enviar cartoes, aqui tem cartao pra tudo quanto e ocasiao, casamento, casa nova, doenca, cartao para novo emprego, e tanto cartao. E encontramos os cartoes para vender em todos os lugares, ate em acougues eu ja encontrei. Ha quantos anos vc esta na Irlanda Karine? Continue postando, gosto do humor nos seus posts…Desculpe a falta de acentos….

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: