Skip to content

São Petersburgo

22/05/2011

Barbara Basso
Mundo
.

A Russia…

O maior pais do planeta… 17 milhões de quilometros quadrados, 2 continentes, 10 fusos horários, 83 unidades federativas (sendo 46 províncias, 21 repúblicas, 9 territórios, 4 distritos autônomos, 1 “oblast” e 2 cidades federais) … um pais rico em historia e que influenciou a historia de diversos outros…

 …um pais onde 5 dias não sao suficientes pra cruzar o pais em trem
 …território cortado pelo Circulo Polar Artico e que tem uma imensa planicie eternamente gelada
 …pais que é tão perto da Finlandia como da China
 …terra dos czares, das matrioskas, de Lenin, da Guerra Fria, de avancos tecnologicos, de armas nucleares
 …uma terra de gente nacionalista que se orgulha ao compartilhar as belezas de seu país.

São Petersburgo…

Receita pra fazer São Petersburgo:
– Pegue a beleza arquitetônica das casas de Praga
– Adicione a imponência dos predios de Budapest
– Coloque um punhado da população de Istambul
– Incremente com as ruas largas, os engarrafamentos e as multidões de São Paulo
– Coloque uma pitada de frio do polo norte
– e salpique com o alfabeto cirilico!
…Pronto! 🙂

São Petersburgo é uma combinação interessante de cidade européia (a arquitetura que tá presente em diversas outras capitais por aqui), mas com 5 milhões de habitantes (muito mais do que a média das “grandes cidades” daqui)
 Isso significa:

Museu Hermitage

* Lindos prédios de seculos passados… com letreiros luminosos tapando as fachadas

* Sistema de transporte inteligente (metro, tram, ônibus)… com multidões dignas de estação da Sé as 6 da tarde… pessoas te empurrando e se espremendo pra passar pela porta

* Neve branquinha cobrindo telhados… com poças d’agua gigantes que tu não tem como escapar de mergulhar o pé inteiro – quando a neve resolve derreter

Linda, imponente, movimentada, viva… Antiga, cultural, fascinante… Fria, suja, exotica… Interessante…

 …conheci varias das facetas da cidade e experienciei muitas coisas diferentes nesse pais gigante:
* Vi tanta neve como nunca tinha visto antes em uma cidade, fiz guerra de neve no meio da rua e arrastei minha mala pelas ruas com neve ate as canelas…
* Andei num dos sistemas de metro mais profundos do mundo e por suas belíssimas estações…
* Fui num dos maiores museus do mundo (Museu Hermitage) – onde dizem que se tu ficar 1 minuto olhando cada obra, tu leva 7 anos pra ver tudo!! – e andei por suas diferentes alas pra ver de Picasso a reliquias egipcias, do trono dos czares a peças de arte indiana, de quadros renascentistas a armaduras medievais…
* Aprendi a ler cirilico e a entender algumas palavras por sua semelhança com tcheco (e consegui ate pedir comida em russo!)…
* Vi um mar congelado – o golfo que banha São Petersburgo estava congelado e era possivel caminhar sobre ele!
10 Comentários leave one →
  1. 22/05/2011 7:41

    Viajei com o post. Só acho que é muita neve para um patropiniano. 🙂

    • 24/05/2011 1:02

      Obrigada, Allan!

      Sim, foi muita neve mesmo!!

      Infelizmente não tive a oportunidade de conhecer a Rússia em outras estações, mas deve valer a pena…

  2. Mystvan permalink
    22/05/2011 22:40

    Um relato muito interessante. Porém esqueceu de citar que neste país existem nacionalistas exaltados que poderão ferir estrangeiros não-caucasianos. Aliás, muitos países da Europa infelizmente têm este hábito de dar as “boas-vindas” aos estrangeiros. 😦

    Eu pensarei e refletirei muito antes de ter o (des)prazer de visitar tão orgulhoso país!

    • 24/05/2011 1:11

      Nossa, Mystvan! Tu teve alguma experiência com isso em algum país da Europa?

      Eu passei 2 anos no leste europeu, visitei mais de 15 países por lá (e uns 25 se contar a Europa toda) e NUNCA tive nenhuma experiência ruim com o nacionalismo deles… muito pelo contrário, fui sempre super bem recebida e acolhida! E as manifestações mais nacionalistas que encontrei foram amigos orgulhosos me levando para conhecer as coisas mais bonitas, provar as melhores comidas, ir aos lugares mais tradicionais de seus países…

      Talvez tu devesse ir ver com os próprios olhos pra ver se realmente vale a pena ter essa idéia tão negativa deles…

  3. 23/05/2011 0:56

    achei incrível a ideia do blog… adoro viajar e essa proposta de divulgar ideias é incrível. continuem!

  4. 23/05/2011 15:11

    Parece um cenário bem bacana, mas não sei se ia conseguir me adaptar à neve total!

    • 24/05/2011 1:13

      Vale a pena conhecer, Kiara! 🙂

      E se a neve total parece complicada, vá durante o verão, primavera ou outono… na Europa cada estação do ano é bem marcada, com características bem diferentes…

  5. 23/05/2011 18:26

    Meu grande sonho é conhecer a Rússia de verdade, pois só a conheço através de Tolstói, Dostoiévski, Gógol…. nossa… adoro literatura russa, adoro, adoro…. me diz, é tão lindo quanto dizem? Queria saber mais sobre o temperamento e os costumes das pessoas também. é muito diferente do jeito brasileiro de ser?

  6. Adam Nunes permalink
    25/05/2011 23:25

    Barbara vc mora em são petersburgo? gostaria de saber pois talvez em novembro irei e gostaria de alguem que pudesse me mostrar pontos turisticos, no jeito brasileiro hehe!

    • Barbara Basso permalink
      30/05/2011 23:29

      Oi Adam
      Não moro lá não… estive na Russia em 2008 e foi quando escrevi o post… Passei só 1 semana lá, então não conheci tanto assim…
      Boa viagem! Espero que tu encontre brasileiros que te ajudem por lá!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: