Skip to content

É caro ou barato viver na Itália? Ai, que dúvida!

04/10/2011

 Carla  – Milão, Itália
.
 

O que muita gente pergunta quando moramos fora é se o custo de vida é alto ou baixo, se é caro ou barato viver aqui. Bem, isso depende. Algumas coisas são bem mais baratas relacionadas ao Brasil, outras já bem mais caras, e outras ficam ali, a mesma coisa.

Vou dar alguns exemplos:

Aluguel/moradia/comprar apartamento ou casa: caro! É caro acho que como em toda a Europa. Principalmente perto das e nas grandes cidades como Milão. Em Milão vai pagar de 10 a 20 euros o metro quadrado para alugar. Aqui, a 15 km de Milão, em Senago, onde moro, pago cerca de 4,4 euros o metro quadrado do apartamento. Bem, difícil falando assim né? Bem, eu moro num ap. de 90 m2, e pago400 euros o aluguel. Em Milão um desse porte não achará por menos de 1000. Pois é!  Isso fora as despesas de condomínio etc.

Comprar carro: barato! Carros são de fácil acesso aqui, ótimos preços e todo mundo pode ter. Como é barato, as pessoas também trocam  muito, o que desvaloriza muito o usado.  Comprar um usado vale muito a pena pois são sempre bem conservados e por um ótimo preço. Pagamos 1000 euros por nosso 600 de 1999. E tá ótimo, faz 20 km/L. Hahaha! Pra dar exemplo de carro zero, os mais baratos saem na faixa de 7000/8000 euros, um Sandero (da Dacia, que no Brasil é da Renaut) custa 6950 euros (no Brasil R$20,500). Cliquem aqui e vejam a lista de preços dos carros zeros no mercado hoje.

Compras de supermercado: barato! Claro, depende também do seu gosto e o quanto consome, rs. Mas é o que sempre digo, você pode pagar pouco por coisas de qualidade. Pode comer de tudo, pois tudo tem produtos com uma ampla faixa de preços, pra quem tem mais e pra quem tem menos. Tem vinhos de 2 euros, como tem de 100. Leite de 0,59 e de 1,50. Refrigerante de 0,29 e de 2,00. E assim sucessivamente. Não existe uma coisa que não consiga comprar pra comer porque é muito caro! E não só comer. Produtos de beleza e higiene também! Me alimento muito melhor aqui que no Brasil, comida variada, muito mais fruta e verdura do que eu comia no Brasil. Algumas coisas são caras, claro, não dá pra querer chupar manga aqui que vai pagar 2,60 em UMA, mas comer as frutas da estação é super barato, bem como as verduras.

Roupas: barato! Dá pra se vestir bem sem gastar muito. Lojas populares que vendem produtos de boa qualidade com ótimos preços. Fora as feiras de rua, fora os Saldi de verão e inverno, que se compra TUDO por metade do preço, ainda na estação! Roupas de marca pra mim são mais baratas que no Brasil, mas ainda sim caras. Nunca gastei com marca e nunca vou desperdiçar meu dinheiro com isso. Claro que tênis e algumas outras coisas a qualidade vem primeiro, mas comprar marca por comprar, jamais!

– Médicos/dentistas: caro! Apesar de ter a saúde pública, tudo você paga alguma coisa. Cada consulta por exemplo, cerca de 25 euros, os exames de sangue por exemplo vai pagar de 30 a 100 euros, dependendo do tanto de análises inclusas. Médico particular é mais caro ainda, impensável aqui. Fora as listas de espera. Marquei um endocrinologista uma vez, demorou mais de 3 meses para a consulta. Agora, quando você tem doenças crônicas, fica isento de pagamento de taxas e exames, eu tenho hipotireoidismo, então exames especificos e consultas ao endocrino não pagarei mais, agora esperar a consulta, isso só muda se é urgência. Dentista então, nem se fale! Caríssimo! Tanto que brasileiros esperam a ida ao Brasil para passar no dentista. Fui aqui essa semana paguei 22 euros a consulta, 27 uma panorâmica (até aí tudo bem), e fiz um orçamento. 1 ano de Itália sem dentista: 1 cárie, preço 91 euros, só a cárie, fora limpeza e flúor… Isso porque esse é uma clínica odontológica do governo, do hospital. Só quem não paga são crianças e alguns casos de baixa renda, mas isso pra quem tá aqui há bastante tempo e tem isenção do imposto de renda do ano anterior, não é o meu caso. Clínicas particulares são mais caras ainda, uma facada no peito ou como dizem por aqui: una botta.

– Viajar: barato! Devido à diversas promoções pela Ryanair e Easyjet fica fácil viajar por aí. Hoteis já são mais caros, mas há opções de abergues mais em conta e o lance de levar sempre comida nos passeios, comprar no mercado para não pagar caro em restaurantes.

E os salários? Humm, com a crise dizem que baixaram muito, mas mesmo assim quase ninguém ganha menos de 1000 euros ao mês. Dinheiro que rende muito mais aqui que no Brasil. A diferença também é que não tem muita diferença pra quem trabalha fazendo faxina e quem trabalha em escritório por exemplo. Todo mundo ganha mais ou menos a mesma coisa estando no mesmo nível de estudos e dependendo do caso até mesmo em níveis diferentes, e tem basicamente o mesmo poder aquisitivo, então quase não dá pra perceber pelas ruas quem tem dinheiro e quem quase não tem, não tem aquela diferença contrastante, pelo menos eu vejo assim.

E aí? No balanço geral é caro ou barato? Hummmmm….. Pra mim compensa, tenho uma vida melhor que no Brasil e olha que nem na minha área eu trabalho ainda, e isso logo logo vai acontecer, já que minha profissão foi reconhecida por aqui, como contei lá no meu blog.  E olhem que tô numa área considerada cara, norte da Itália, vizinha de Milão. Dizem que no sul é tudo ainda com preços melhores, um dia vou ver pra conferir!

Escrevi uma vez posts sobre preços nos supermercados, se quiserem dar uma olhada lá cliquem nos itens:

O milagre das compras   e  Supermercados e a corrida dos preços

Baci a tutti!

Carla Guanais é cientista, blogueira e mora na Itália desde 2010. Saiba mais sobre ela clicando aqui.
60 Comentários leave one →
  1. RenatoAlves permalink
    04/10/2011 23:40

    Carla
    Aqui nos EUA acho que é muito como você disse. Tem coisa cara e tem coisa barata. Por exemplo, alimentação, vestimenta, moradia e carros são muito baratos. Já saúde, dentista, são caros. Além do fato de que aqui não existe saúde pública. Todos pagam planos de saúde e os que não pagam se ferram. Só vão ao médico ou hospital quando estão muito doentes. São tratados prontamente e depois recebem a conta pelo correio. Quem não tem dinheiro dá o cano mas tem seu histórico de crédito arruinado e não poderá comprar nada à credito até pagar a dívida.
    Ah, só uma coisa o Sandero (mais básico que existe) custa por volta de 29 mil reais sem contar o IPVA inicial de 1.200.
    Já uma carambola no supermercado custa 3 dólares cada uma! Mas é uma das únicas coisas que achei mais caro que no Brasil. O supermercado brasileiro de Orlando é uma verdadeira FACADA.
    Bjs

  2. 05/10/2011 12:21

    Nossa Renato, não sabia que a saúde nos EUA funcionava assim! Logo a saúde, tão essencial né? Agora uma carambola or 3 dólares melhor nem chegar perto..hahaha. Aqui tbm tem mercadinhos com produtos brasileiros, latino-americanos, mas também custa caro. De vez em quando encaramos uma farofa ou um leite condensado só pra matar a saudade. rs.. bjus

    • 05/10/2011 15:01

      Bah, se não sabias que nos EUA era assim então vê o filme Sicko, do Michael Moore. É de dar medo…

  3. 05/10/2011 16:07

    nossa Glenda, preciso ver então! Nunca fui nos EUA e nem tenho vontade, desculpa Renato, rs… mas achei que fosse diferente, pelo menos que as coisas funcionassem mais na saúde e que fosse de acesso de todos!

  4. david permalink
    06/10/2011 0:28

    Carla

    Com a atual crise tem diminuido o preço da mão de obra ? Fiz esta pergunta porque se pararmos para pensar o desmprego esta almentando e consequentemente hoje já tem mais gente fazendo o serviço que ninguém quer fazer.

  5. 06/10/2011 6:54

    Adoro o Michael Moore. Ele chegou a se mudar para o Canadá pois sofria ameaças de morte nos EUA e era acusado de anti patriótico. Ele é exatamente o mesmo, coerente e fiel às suas idéias, seja debatendo com uma porta voz de grandes corporações farmacêuticas na Oprah, dando apoio a manifestantes em Wall street ou durante uma entrevista a telejornais. Ele mostra sempre como os americanos são “mind-controlled” (todo mundo que aceita uma situação opressiva o é em alguma ou outra medida) e como deve-se lutar contra injustiças e preconceito.

  6. 06/10/2011 9:53

    Aqui na espanha o tema de saúde é intocavel, apesar de que existem iniciativas para mudar sua formula. A saude aqui é universalmente gratuita, tanto consultas de ambulatorio, internaçoes e inclusive consultas odontologicas (que se nao me engano é um pouco mais restrita). Houve um movimento a favor de cobrar um valor simbolico pelas consultas de ambulatorio, já que muitos especialistas acham que tem gente que abusa e vai no médico por qualquer motivo (ou sem motivo nenhum), sobrecarregando o sistema.

    Ja utilizei muito a saude publica aqui e posso dizer que funciona. Inclusive os aposentados nao pagam pelos remedios e nós contribuintes pagamos 40% do valor do remedio (sempre e quando acompanhado da receita médica).

    Minha unica critica, mas acho que isso é universal, é a fila de espera no caso de cirurgia ou de um exame mais especifico. Uma ecografia pode demorar meses e uma operacao as vezes mais de 1 ano. Os planos de saude aqui nao sao caros, custam em media 50 euros e tem uma cobertura muito ampla.

    • 06/10/2011 17:54

      Edu, não é bem assim. Aqui na Andalucía somente quem contribui para a Seguridad Social (ou é dependente de algum contribuinte) pode ter acesso à consultas médicas em centros de saúde, bem como cirurgias, etc. Com relação ao atendimento de emergência, te conto um caso verídico que aconteceu com a minha melhor amiga, também brasileira. Ela teve uma crise de pedras nos rins, e foi parar na urgência de um hospital público. Ficou DOIS DIAS sentada numa cadeira na emergência, até que levaram ela para o quarto. Lá, a obrigaram a ficar 7 dias e fazer uns quantos exames, mesmo já não sentido dor. Até ai, tudo bem, parecia bem cuidada, né? Só que depois de dois meses chegou uma conta na sua casa no valor de 2300€!!!! Tinha que pagar dias no hospital e pelos exames… Oras, em nenhum momento ela foi avisada disso, nunca disseram nada… se ela soubesse que tinha que pagar uma conta dessas, tinha ido para um hospital privado, onde nenhum procedimento é feito sem a autorização do paciente (que tem consciência dos valores e não leva nenhum susto na saída). Minha amiga teve que pagar a conta, porque logo disseram que ela poderia ter problemas para renovar seu visto. Ela entrou com uma alegação, dizendo que atendimento de urgência se supõe que é gratuito e pediu a restituição do dinheiro… até agora ninguém respondeu e o advogado duvida que ela ganhe a causa. Todo dia na TV aparece gente reclamando da demora no atendimento. Esses dias era uma senhora com catarata que precisava fazer uma revisão e logo cirurgia… marcaram a revisão para daqui um ano e a cirurgia três!!!! Quem pode viver três anos com catarata avançada?

      A saúde pública na Espanha já não é o que era…infelizmente.

      No Brasil também já existe as Framácias Populares, onde quem apresenta receita do SUS ganha um desconto de até 90%.

      • 06/10/2011 18:17

        Nao sabia que isso tambem existia ai. Pra voce ver como é bom aprender com o Brasilcom z 🙂

  7. sonhosnaitalia permalink
    06/10/2011 11:47

    David, sinceramente não sei responder sua pergunta. Já cheguei com a crise, mas seguindo a lógica acredito que sim, não em empregos formais, pois os contratos de trabalhos são diferenciados por categorias e estas têm valores salariais fixos, por Lei. Agora nos empregos informais com certeza. Colegas que disseram que faziam faxina por 10 euros/hora há uns anos atrás, agora fazem por 6 ou no máximo 8.

    • david permalink
      07/10/2011 16:20

      Talvez isto contribua para gerar o desemprego. Pois as empresas não estão podendo pagar uma mão de obra mais cara.

  8. sonhosnaitalia permalink
    06/10/2011 11:49

    Anita, já assisti alguma coisa dele. Muito bom mesmo!

    Edu, legal saber como funciona aí! Se for pensar também fila de espera tem em todos os tipos de saúde, a pública, a particular, na Itália, no Brasil, EUA e por aí vai… lamentável mesmo. bjus

    • 06/10/2011 18:27

      OI Carlinha

      Unica coisa que discordo é sobre a aliementaçao.

      Acho que frutas em geral no Brasil sao baratas tambem.E no Brasil se voce comer o que voce come na Italia voce paga pouco.Pasta e,polenta como base,além de frutas simples da estaçao.

      Alias muita fruta é importada do Brasil ,assim como grande parte da carne bovina ou outros paises “extracomunitarios”..Vinhos na Europa é barato mesmo.Paises pequenos e muita concorrencia(vinho frances,italiano,potugues,etc) fazem baixar o preco.Olhe que tem vinho bom no Brasl tambem,especialmente uns do Sul.

      Italianos sao mestres no marketing da culinaria deles e de menosprezar de outros povos.

      Acho que na Italia voce come muito, mas nao bem.A dieta é quase so carbohidrato.Vou enviar pra voce via email um estudo aonde foram a dieta brasileira e japonesa foram escolhidas como as mais saudaveis do planeta.

      Mandou bem,garota.

  9. 06/10/2011 17:40

    A Carla falou tudo e explicou muito bem :). Concordo com tudo.

    Os voos baratos acredito que sejam pela Europa ser um continente pequeno e com muita conocorrencia de empresas de varios paises.Entao a competiçao faz o preço da passagem baixar.

    Quanto as roupas em geral elas vem de paises aonde a mao-de-obra é barata(vejam as etiquetas das roupas de marca que voce compra,quase nada é made in Italy ou Europa.Tudo é so by e marketing) além da concorrencia e matéria prima que as empresas compram a preço de banana em paises mais pobres.

    Faço parte do grupo que comprou casa. Em resumo, financiamentos existem de 25 a 40 anos, com uma parcela de entrada altissima e parcelas inicias altas que vao diminuindo progressivamente. Isso ainda tendo que comprovar a sua renda pra ter o financiamento e sendo estrangeiro isso é mais dificil pois acham que voce vem da “favela ou passa fome”.
    Porém,recomendo a quem puder comprar a cas/apartamento a se voce quer morar muito tempo no lugar ou pra investir(meu caso) pois a propriedade e o $$ continuam sendo seus. Se voce tiver filhos tem que tambem pensar na educaçao deles(meu caso tambem).

    Sempre me pergunto porque os bens de consumo como carros,PCs, maquinas fotograficas sao caros no Brasil e cada vez vejo uma resposta diferente, mas ao meu ver a distancia e intermediarios ajudam isso a ser alto.

    Saude/dentistas de qualidade quase sempre sao particulares em qualquer lugar entao acho que isso é normal até.Claro que existem paises como Espanha u Italia que tem a parte publica e os EUA aonde tudo é convenio/particular.Alias escrevi no meu blog que o Brasil tem um sistema que mistura o publlico(como Espanha) com o privado(como os EUA).Dentista italiano nao recomendo. Horrivel.Ja o Hospital depende.Sou enfermeiro e trabalhei em varios hospitais pela Italia

    David

    A crise na Italia me preocupa e por fazer parte dos PIGS acho que ela vai ser a nova Grécia,Portugal ou propria Espanha.A sonegaçao de impostos por ricos é altissima e a maquina publica com corrupçao e salarios/regalias de politicos é alta além de estar nas maos de Berlusconi mais preocupado de sair com moças ambiciosas. O pais precisa de um lider mas esta tem um velho tarado rs. Sempre afirmo que politicos sao reflexo de coo pensa o povo.

    Alias voces sabiam que a Mafia é a “emprea que mais gera”dinheiro no estado italiano.Gera sozinha 3x o PIB da Italia,comprando muitos politicos. Recomendo a lerem obras de Roberto Saviano, um jornalista que é ameaçado pela mafia e revela detalhes chocantes dessa organizaçao.

    Abraço a todos.

    • david permalink
      07/10/2011 16:11

      Creio que a Espanha e a Italia têm mais chance de se livrar da crise, pois estes dois países possuem muitas empresas fortes (por exemplo existe a telefonica e a Ferrari), sem contar que eles também têm uma exelente infra-estrutura e uma educação de qualidade.

      E em matéria de corrupção, o Brasil é um mestre. Não é mesmo ?
      Se eles (italianos )vão vão quebrar por causa disto, imagine a nossa patria…

      E voltando ao assunto do blog: no Brasil as coisas são caras por causa dos impostos. Que nem diria o Delfin Neto: “o brasileiro paga imposto de europeu para ter serviço indiano”.

      Gostaria de dizer também que eu gostei deste blog. Sou um leitor antigo e um escritor novo.

  10. sonhosnaitalia permalink
    06/10/2011 20:23

    Bem Druida, eu tbm vou discordar com vc. Aprendi a ter uma alimentação muito mais variada aqui do que tinha no Brasil. É mentira falar que comem só pasta! Comem pasta (porção pequena) de primeiro prato, depois sempre uma proteina, e depois saladas ou legumes grelhados, refogados.. isso diariamente. Nós comemos arroz feijao e bife e de vez em nunca salada.. e tudo no mesmo prato. Aprendi tbm a saborear mais os alimentos separadamente um do outro!
    A questão das roupas no Brasil tbm ta cheio dessas roupas importadas de mão de obra barata mas que pra nos la ja nao sai tao barata assim como aqui…..
    Obrigada a todos pelos comentarios, ótimo isso! E a vc Druida, que não “polemizou” tanto, se não ninguém aguenta, ahahahhahaah! brincadeira! bjao

  11. sonhosnaitalia permalink
    07/10/2011 11:44

    Só foi falar que não “polemizou” pra ja mudar de tática… Druida, seus comentarios nao foram publicados, mas vou comenta-los aqui pois recebi no email e nao gostei nada do que falou. Onde é que disse que a alimentação aqui é melhor do que lá? só falei que eu, Carla, tenho uma alimentaçao mais variada…Onde é que disse que é errado misturar a comida???? bem, vc ta procurando pêlo onde nao tem! Concordo qdo vc disse que nao tem certo nem errado.. é o que sempre digo né?
    outra: onde foi que disse que nao tem frutas no Brasil? ai Druída, assim não dá! E por acaso, ja morei no nordeste.. mas as suas “acusações” não têm cabimento, nada a ver.. viajou… melhor parar por aqui.. depois melhor prestar atenção no que fala, julga, lê e escreve. Sem paciência com vc! ciao!

    • 07/10/2011 15:10

      Alguns comentários não são publicados porque, apesar de sermos a favor da liberdade de expressão, não podemos ser coniventes com certas atitudes desrespeituosas e mal educadas de alguns comentaristas. Quando os limites relacionados com o bom senso e a educação são ultrapassados, os tais comentários vão parar diretamente na lixeira. E principalmente quando se agride verbalmente uma colaboradora sem nenhum fundamento e pior, quando as agressões partem claramente de uma equivocada interpretação de texto por parte do comentarista. Digo e repito que o Brasil com Z é um blog que nunca aceitou baixaria e nem aceitará… quem estiver afim de esse tipo de discussão, por favor procure outro espaço para discutir a esse nivel, porque aqui não é o lugar.

  12. sonhosnaitalia permalink
    07/10/2011 15:28

    Falou e disse Glenda. Obrigada!

  13. 10/10/2011 8:33

    Glenda,

    Eu estava fazendo referência a saúde publica no que diz respeito aos espanhois e residentes legais. Nao sei realmente como funciona com os estrangeiros. Sua amiga era residente legal ?

    Meus pais sao espanhois e foram embora para o Brasil na decada de 60. Viveram 40 anos lá e voltaram velhinhos para a Espanha. Minha mae, que nunca contribuiu para o INSS daqui, faleceu recentemente, vitima de uma grave doença pulmonar. No entanto, ela teve todo o tratamento gratuito aqui, inclusive montaram no quarto dela em casa o mesmo equipamento de oxigenio que ela teria no quarto de um hospital. Durante o tratamento ela teve que fazer varias visitas a urgencia, seu medico de cabecera e aos especialistas, e nao teve nenhum custo. Sem contar a quantidade de remedios que ela tomou durante o periodo de aproximadamente 2 anos. Fiquei com uma excelente impressao, vendo de perto o caso da minha mae. Agora,como dizia antes, nao sei se sua amiga era residente legal ou nao.

    • 10/10/2011 10:10

      Sim, minha amiga é legal, só que não contribui para a SS. Brasil e Espanha anteriormente tinham um contrato de Seguridad Social, ou seja, se vc contribui num país pode ter acesso a saúde pública em outro, bem como receber os benefícios da Previdência Social. Recentemente este acordo foi cancelado, visto que no Brasil o atendimento sanitário é gratis para qualquer pessoa, independente da sua contribuição (já a qualidade é outra coisa) e na Espanha só para quem contribui… Isso quer dizer que quem contribui para a Previdència no Brasil e logo se muda para a Espanha, contam os anos de trabalho no Brasil para sua aposentadoria na Espanha (e viceversa), mas isso já não considera o atendimento na rede de saúde (até um ano atrás, quem pagasse o INSS no Brasil podia emitir um documento e trazer para a Espanha e ter atendimento grátis aqui, conheço gente que frequentava o sistema sanitario espanhol por meio desse acordo por ter uma carteira assinada também no Brasil). Se minha amiga fosse ilegal, seria mais fácil, ela teria atendimento gratuido por estar nessa situação de vulnerabilidade. Só que ela se encontra em outra, daqueles que trabalham no mercado negro e não tem “carteira assinada”. Quer dizer, o sistema não é de todo mal, mas com certeza já foi melhor… Mas tenho certeza que não pode ser considerádo intocável e nem muito menos UNIVERSALMENTE GRATUITO, porque isso na prática não é verdade!!!!!

      • 10/10/2011 10:14

        Ahh, e tenho outro caso. Esse se passou com um tio de uma amiga espanhola. O cidadão era um adicto a bebida. Durante muitos anos bebeu até que foi diagnosticado um cancer de fígado. Acredita que os médicos lhe disseram que ele tinha buscado a doença e que não merecia atendimento???? Minha amiga teve que colocar a boca no trombone e se estressra muito para conseguir um atendimento domiciliar como o da sua mãe, pois os médicos diziam que tinham pessoas melhores para atender… e isso é a mais pura verdade!!! No final, ela conseguiu que fizessem um atendimento meia boca, até o Sr. falecer…

  14. 11/10/2011 15:55

    Tá certo Glenda, nem tudo é perfeito, você tem razao. Alias, assisti o documento Sycko do Michael Moore por sua indicacao, e se tudo aquilo for verdade…. QUE MEDO !

  15. ze miguel permalink
    22/10/2011 1:04

    ola a todos gostei muito de vossos comentario. cada vez mais acho que quem estuda e se empoem como cidadao, se da bem.

  16. Tayllon permalink
    17/11/2011 2:21

    gostaria de encontrar trabalho como Ourives (Fabricação e conserto de jóias) aqui no Brasil sou Ourives. alguém sabe me falar sobre essa profissão na Itália, de preferência em Milão, Monza… essas regiões? desde já, Obrigado Pessoal.

    • sonhosnaitalia permalink
      18/11/2011 17:22

      olá, então nunca ouvi falar de nada deste tipo aqui… entao nao sei como te ajudar, mi dispiace!

    • Ana permalink
      03/05/2012 5:26

      Em Florença tem bastante.

  17. André Padial permalink
    20/12/2011 21:56

    Olá, desculpe, mas não li a todas as publicações, talvez fale alguma coisa repetida..
    Quero muito ir para a Itália, mas não conheço nada sobre a língua, sobre nada! tenho um bisavô italiano e posso tirar a nacionalidade.. Queria saber sobre a questão de emprego para quem chega ai do Brasil, se é muito difícil conseguir, se essa crise realmente está complicada, não tenho faculdade, só experiência em vendas, sou corretor de imóveis, nesta área é um bom negócio ai ? ou qualquer outra coisa !!
    E mais uma coisa, para quem que ir morar ai, ter um carro, morar bem, com coisas boas, poder viajar, e todos esses mimos que aqui são mais complicados, isso realmente se consegue fácil ai na Itália ? mesmo sendo um brasileiro perdido e leigo ?
    Obrigado!! …

    • sonhosnaitalia permalink
      21/12/2011 12:29

      Primeiro André, tem que falar italiano fluentemente, senão a coisa fica preta! Emprego tá dificil, nao é um país para vir e fazer dinheiro. Porém consegue ter uma qualidade de vida melhor da que teria no Brasil, pelo menos eu tenho. Mas sem falar a lingua, sem documentos e sem contatos para te ajudar aqui fica dificil pra nao dizer impossivel. mas boa sorte!

  18. Casie permalink
    27/01/2012 13:35

    Concordo sobre a alimentação…comecei a comer mts mais salada ai do q aqui no Brasil, a qualidade é mt melhor, das frutas tbm. Aqui no Brasil vc tem q ficar catando fruta e verdura q estejam boas, na Itália ñ, e engraçado ñ são colocadas nas prateleiras dos supermercados cheios de terra como aqui.
    Mas discordo sobre o valor dos médicos e dos dentistas, aqui no Rio uma obturação é em torno de 200 reais, e os médicos especialistas cobram 300 reais, o problema dos dentistas na Itália é q é dificil de achar um q preste e a população geralmente não faz uso deles.

    • sonhosnaitalia permalink
      27/01/2012 15:16

      Nossa Casandra, entao esse seu dentista é muito careiro! eu pagava 50 reais a obturação no meu dentista no Brasil! bjus

  19. 28/01/2012 16:26

    Muito Bom! Gostei de seus esclarecimentos.Tomara que os efeitos da crise economica sejam amenizados em toda europa e todos possam ficam mais tranquilos.

  20. Paulo permalink
    14/03/2012 19:09

    Olá pessoal… planejo viver por dois anos na Italia, e gostaria que alguém que vive por lá me informasse se é complicado ter acesso ao sistema de saúde pública. Tenho o passaporte italiano, falo fluentemente a lingua. Obviamente nunca contribuí com o sistema social italiano, e devo me aposentar no Brasil em 1 ano.
    Chegando á Italia apenas com o passaporte é fácil alugar uma casa? Ou conseguir financiamento para comprar uma? Pretendo viver na região de Perugia.
    Com uma renda de cerca de 2000 euros um casal de cerca 60 anos vive decentemente?
    Gostaria de poder viajar pela Italia, porque ir pra lá e ter que ficar enfurnado em casa por falta de grana seria lamentável, né não? rs…
    Quanto custa , em media, um apto de 60 metros numa cidade como Perugia em um bairro classe média? Eu soube que as despesas com calefação são muito altas… como funciona?
    Abçs

    • sonhosnaitalia permalink
      14/03/2012 21:45

      Olá Paulo! Vc tendo passaporte italiano, falando a lingua nao tera dificuldades. Chegando aqui é só dar entrada no codice fiscale e se inscrever na ASL, para ter acesso à saúde. Para alugar uma casa sem comprovar renda nao é simples. Mas como é aposentado no Brasil, pode alegar isso e dar garantias, como geralmente acontece, alugueis adiantados, caução, etc… Pode tentar o financiamento, ,mas as regras sao ainda mais duras…
      2000 euros pra um casal é suficiente pra comer bem, morar e vestir… e ainda fazer umas viagens de vez em quando… eu e meu marido vivemos mais ou menos com isso!
      Procure em sites como casa.it, trovacasa.it, etc.. preços de casas em venda e tabm aluguel.. mas em media um apto de 60 m2 vai sair na media de 150 mil euros. Deve estar atento tbm à classe energetica, tabelada de A a G, sendo a A a que menos consome para o sistema de aquecimento.. isso vai influenciar no preço da venda do imovel, quanto mais antigo o sistema de aquecimento, os apartamentos, os isolamentos, mais vai se gastar com aquecimento. Vou escrever isso lá no sonhos na italia.. visite la tbm. abraços e boa sorte!

    • Ana permalink
      03/05/2012 5:28

      Paulo, o INSS tem convêncio com alguns países europeus, inclusive a Itália, vc pode usar a saúde pública italiana de graça. Funciona como um seguro viagem, se vc é contribuinte do INSS vai poder usar a saúde pública da Itália sem gastar nada. Veja com o INSS.

  21. Renato Pucca permalink
    28/05/2012 17:07

    Realmente, alimentação, carros, lazer, viagens e roupas são muito baratos. Morei dois anos na Itália e posso dizer por experiência própria. Quanto aos serviços de saúde, custam um pouco mais mesmo, mas apesar dos pesares é bem melhor que o SUS no Brasil. Mas, de modo geral, a relação custo-benefício de se morar na Itália é muuuito melhor que no Brasil, mesmo com a crise econômica compensa. Muito do que se vê sobre a crise na Europa, Japão e USA, é exagerado, coisas propagadas pela mídia brasileira e o governo brasileiro pra evitar emigração de mão-de-obra e manter o povo calmo ao comparar a situação econômica do Brasil em relação a países desenvolvidos. Manipulação exagerada da informação, só isso!

  22. marina freguglia permalink
    04/11/2012 21:46

    OLá Carla, e também Renato Pucca, gostei muito dos últimos comentários de voces a respeito de preços de aluguel, de sites para alugar, e do que o Renato esclareceu sobre a crise, que não é assim tão feia quanto pintam, isso me anima mais ainda.Pretendo ir pra ITalia até Março de 2013, estou me organizando, pois consegui a Legalização dos meus docs semana passada, agora é alugar aqui a minha casa, vender algumas coisas, e partir, é o nosso sonho, minhas filhas jã estão criadas e quero partir pra novos rumos, porém saber como funciona o novo lugar é sempre muito bom. No momento estou trabalhando e pagando INSS, mas antes não pagava, e o meu marido por ser free lancer, tb não paga, vcs acham que seria bom eu começar a pagar agora? Vcs acham que isto pode me ajudar ai? Aqui pago particular, e não gostaria de chegar ai e precisar de um clinico e não poder ter.NUnca sabemos se teremos a necessidade. Gostaria tb de saber sobre alugar um imovel, O que vcs me indicam.

    Agradeço muito a ajuda que puderem me dar.

    • sonhosnaitalia permalink
      05/11/2012 9:16

      olá Marina, nao sei se reparou, mas o post é de mais de 1 ano atrás! e não queria desanimar, mas a crise tá pior esse ano, eu estou há vários meses desempregada e sem perspectivas! Mas como vc disse depende de cada um, da sorte, do caminho percorrido. Te aconselharia a esperar mais um pouco, se não der , se quiser vir mesmo ano que vem, te desejo boa sorte! Vc tem a cidadania ou esta vindo para tira-la??? pagar o inss serve para uma aposentadoria futura no Brasil e pra conseguir o seguro saúde, IB-2… mas se vc ta vindo fazer a cidadania tem direito à saúde, normalmente, suas filhas tbm. nao se preocupe. Como respondi lá no meu blog, vá no post sobre moradia, e pesquise. boa sorte!

      • Marina Freguglia permalink
        05/11/2012 10:26

        Oi Carla,

        Obrigado pela ateno. Nossa, eu tinha a certeza de que estes posts eram de 2012, pelo menos l alguns de data deste ano, mas enfim. Meus planos so mesmo de ir, eu acredito que vamos conseguir, e espero isso, mesmo. No sei o q voce faz na Italia, mas estou disposta a qq servio pra poder me manter. Ser qe dificil consguir trabalo mesmo de garonete, aux. de cozinha, etc… E o post sobre aluguel est atualizado? Voce tem alguma dica pra mim sobre tirar minha Cidadania, pois vou sim ai pta tir-la. Agradeo se puder me dar mais informaes de preos de hoje ai, pra que eu possa me prvenir, e claro no fazer uma loucura sem noo, rsrsrsrsrr Te desejo sorte, e que conigas logo um bom trabalho. Beijinhos e aguardo noticias.

        Em 5 de novembro de 2012 07:16, Brasil com Z

      • sonhosnaitalia permalink
        06/11/2012 8:41

        pois é Marina, o que eu faço? Desempregada, há varios meses! Não acha nem privada pra limpar, pra vc ter uma ideia da coisa preta que tá a Itália! Tá dificil de arrumar qualquer tipo de trabalho! As vezes ate acha um ou outro, ganhando muito pouco, com gente te explorando! daí não dá! O post sobre moradia no Sonhos na Italia é recente e dá pra dar uma ideia de preços. http://sonhosnaitalia.blogspot.it/2012/08/moradia-na-italia.html Quanto à cidadania, sou parceira de uma equipe de Assessoria para cidadania italiana, visite o blog http://benvenuticidadania.blogspot.com Sorte pra vc!

  23. Angelita Bau permalink
    12/01/2013 1:12

    Oi Carla, tu ainda mora na Italia? eu tenho vontade de morar la… eh facil conseguir um visto e emprego?

    • 12/01/2013 8:39

      olá angelita.. a situaçao da italia nao ta boa.. emprego ta dificil, e se depender de visto de trabalho para estar aqui legalmente pior ainda…

  24. Fernando permalink
    19/01/2013 22:35

    Olá Carla, me ajude quero morar na Italia, não tenho parentes na Italia e não tenho problemas com dinheiro e tenho condição comprar casa qualquer lugar de Italia, não vou para trabalhar vou compra algo (Comercial) para me manter ou Morar. Gostaria que me ajuda-se com lugar melhor da Italia, cidade, e região. Teria condições compra esta casa, mesmo não tendo cidadania Italia? Obrigado pela ajuda estou pesquisando ainda grato, Fernado.

    • sonhosnaitalia permalink
      20/01/2013 20:50

      ola fernando, nao sei como te ajudar nesse sentido.. mi dispiace

  25. 17/04/2013 2:37

    Olá, Eu tenho um namorado Italiano, e iremos noivar em breve. Então como ele já tem condições e tudo fixo, coisa que não tenho aqui em Natal/Rn. Já que um dos dois tem que mudar de vida, eu irei ceder. As pessoas enchem nossa mente sobre morar na Italia, uns colocam pra cima e outros derrubam seu sonho. Mas como irei morar com ele, irei sentir mais segura e terei um apoio muito grande. Pela sua experiência, como posso tirar minha carteira de motorista para comprar um carro. É muit burocracia? e a Faculdade, como é paga? funciona como no Brasil. E outra pergunta muito importante, que me deixa com medo, em relação as brasileiras que chegam na Itália, sofrem muito preconceito?

    • 17/04/2013 14:32

      ola Luana, Para tirar a carteira de motorista vc tem que estudar bastante, a prova teorica é bem dificil, mas estudando e se dedicando da pra conseguir numa boa, eu fiz! Comprar um carro tbm nao tem tantos problemas…. aqui é tudo mais facil que o Brasil vc vai ver. A maioria das faculdades sao publicas, nas quais deve-se pagaar algumas taxas, outras fixadas de acordo com a renda do interessado. Um pouco vai sentir por ser estrangeira… dependendo de onde vao morar podem encontrar pessoas bem fechadas quanto à isso.. mas no fim tudo da certo. boa sorte. Leia la no meu blog sobre a carteira de motorista e sobre comprar um carro, ah, tem sobre faculdades tbm. baci

  26. paolamalpici permalink
    25/05/2013 2:24

    Olá Carla tudo bem??
    Tenho algumas dúvidas.Sou formada em direito, bacharelado. Não tenho OAB, e gostaria de saber se você tem alguma informação se na Itália é possível conseguir algum emprego como em escritórios por exemplo, com um salário um pouco acima de 1500/2000 euros. E tenho outra dúvida. Pretendo ir o ano que vem à Itália para tentar o reconhecimento da cidadania italiana. Se eu conseguir, pretendo morar na Itália e comprar um carro, por isso, gostaria de saber se preciso tirar a CNH italiana ou se a do Brasil é válida e se é muito difícil morar sozinho na Itália arcando com as despesas sozinha. E a última pergunta. Quero saber se os salões de beleza na Itália são caros..rsrsrsrs..Beijos. Se puder responder, agradecerei de coração. cião cião.*-*

    • sonhosnaitalia permalink
      25/05/2013 9:39

      Olà! Entao, Pra trabalhar na sua área aqui teria q reconhecer a profissão e provavelmente precisar estudar ainda… Pois você estudou direito brasileiro e nao europeu certo? Dificilmente você encontraria um trabalho côn. Esse nível de salário! Poucos ganham mais de 1500/2000 euros… Os salários normais giram em torno de 1000/1200, ainda mais para recém começando na carreira ou fazendo qqr trabalho q seja sem un tempo de casa. Outra q a Itália esta em crise e achar um emprego estável, regular, é quase um milagre.
      A cnh brasileira só vale por 1 ano da data da sua residência, traduzida e reconhecida aq. Deve fazer todo o processo para pegar a daqui, como eu fiz.
      Vir sozinho morando sozinho é difícil, nestes casos o melhor é alugar quarto ou vaga com outras pessoas.
      Salão tem pra todos os gostos e bolsos!
      Visite meu blog pois tudo isso que me perguntou falo por lá, http://sonhosnaitalia.blogspot.com

  27. 29/12/2013 0:49

    Olá! Sou brasileira, 43 anos, casada e com 2 filhos. Estamos procurando um outro país para morarmos(por algum tempo). Gostaria de conversar por email com vc para poder ter algumas perguntas respondidas sobre como morar na Itália.. Sou fotógrafa e gostaria muito de saber sobre esse mercado de trabalho por aí. Agradeço desde já a sua atenção.
    Cris Sant’Anna ( crisnerysant@gmail.com)

  28. 24/10/2014 11:36

    ola , eu li todos os comentaros, gostei muito desta iniciativa, me foi por altos de grande valia, me encorajando… estou muito empolgado com possibilidade de futura viagem de reconhecimento, para breve estadia, na Italia, pois, moro no Brasil a 20 anos , estou con saudades da neve dos Alpis, uma vez que morei em Wolfsburg in Holland, só tenho duvidas a respeito de escolas para minhas ninhas… sou profissional liberal CientifcProtesysth- na area dental, ja dispencei enumeras convites para trabalhos na Europha toda, mas estou pensando seriamente em me mudar para Italia ou outra pais proximo, se algumas de voces souberem quaisquer informações sobre escoula, e como candidatar minhas filhas nellas, porfavor me mandar , desde ja tante graziee, vagner Kaschimmrr, fron brasil…

    • sonhosnaitalia permalink
      24/10/2014 13:00

      Olá! Escola nao é um problema. Quando se mudar, vá direto ao comune da cidade e eles indicarão a escola mais próxima da sua casa para matricular suas filhas. Independentemente se o ano letivo já tiver iniciado ou não. Crianças não ficam fora da escola. Não se preocupe. E boa sorte!

  29. Daniela permalink
    06/11/2014 18:41

    Olá Carla,

    Estou pensando em morar na Itália no ano que vem (2015) já tenho cidadania, minha filha tb somente o meu marido não a possui, temos uma vida “normal” aqui no Brasil, minha filha estuda em escola particular, quase não temos vida social, pois o que recebemos é para pagar as contas (que são altas) do mês, luz, telefone, supermercado, etc… Penso em vender o que tenho aqui e pelas minhas contas consigo durante 3 anos retirar 2500,00 euros por mês (isso se eu não trabalhar), vc acha que esse valor é possível viver (sem luxos) ai na Italia, meus familiares moram em Lucca e pretendo ir pra lá. Penso futuramente abrir um negócio para mim, mas vamos com calma, primeiro quero me instalar para depois pensar em outros detalhes.

    Agradeço desde já

    Daniela

    • sonhosnaitalia permalink
      07/11/2014 11:18

      olá Daniela, Pra uma familia de 3 pessoas 2500 seria tipo o minimo mesmo, sem luxo, sem carro, numa casa pequena. MAs se vc tera esse valor seguro por 3 anos entao ótimo. No meio tempo da pra vcs dois arrumarem emprego e se estabelecerem. Seu marido pega o Permesso di Soggiorno e podera viver e trabalhar legalmente aqui tbm. Boa sorte.

  30. SABRINA TOLEDO permalink
    04/03/2015 20:08

    Ola Carla. Li bastante seus posts e me enteresso muito em sair do Brasil. Axei uma boa a Italia apesar de nunca ter conhecido. Sou Tecnica em Radiologia aqui no Brasil ganho razoavelmente, e gostaria de saber sua opinião sobre ir tentar a vida ai. Meu mafido vai ae formar em nutricionista e nao sabemos como é o campo de oportunidades ai. Se puder nos ajudar ficarei muito grata.

    • Carla Guanais permalink
      04/03/2015 20:15

      Olá Sabrina, você se interessa em vir mas uma pergunta: vcs têm cidadania italiana? porque se não, as chances de oportunidades aqui ficam muito limitadas, vcs teriam que vir com visto de estudos ou então sair do Brasil já com um emprego garantido, ou seja, um contrato. O país está em crise, portanto está muito difícil qualquer tipo de emprego. Para vocês trabalharem na profissão de vcs teriam que reconhecer diplomas e profissão o que é um processo demorado e trabalhoso. Analisem a situação e vejam o que é melhor para vocês.

  31. Gisele permalink
    23/07/2015 17:29

    Meu marido é filho de italiana e estamos querendo ir no final do ano para Itália para pegar a cidadania e já ficar morando por aí
    Como que funciona para estrangeiro alugar uma casa por aí??

    • Carla Guanais permalink
      24/07/2015 7:57

      Como não tem como comprovar renda italiana, pode tentar comprovar com documentos brasileiros, mas normalmente o que fazem é aceitar alugueis antecipados, 3+3, tipo 3 alugueis de deposito caução e 3 meses adiantados. boa sorte.

  32. André Bignotto permalink
    18/02/2016 19:23

    Boa tarde Carla td bem… realmente seu blog é otimo, ele esta me orientando muito, tirei muitas duvidas por aqui.. continue assim!!! Tenho uma duvida e talvez vc possa me ajudar.. estou indo para Italia em Setembro para melhorar meu Italiano, e vou procurar um emprego, se der certo fico direto e minha esposa e filho irão depois.. sou Italiano e estou fazendo a naturalização de minha esposa.. aqui no Brasil eu tenho um comercio de relojoaria e estou nele a 25 anos, mas vou fechar.. como aqui esta profissão não é reconhecida, eu não tenho certificado algum, apenas tenho experiencia em todo este tempo trabalhando no dia a dia… queria saber se para exercer esta profissão na Italia eu precisaria de alguma certificação, e se existe vaga nesta area por aí, como reparatori di orologio, ou qualquer coisa relacionada a relojoaria!!.. se vc tivesse essa informação ou me orientasse a encontra-la me ajudaria muito!! Gracie mille

    • 22/02/2016 21:06

      olá, não sei te dizer, você pode começar entrando em contato com alguns, ou procurando anúncio na area pra se informar das exigências. Aprenda bem o italiano. boa sorte

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: