Skip to content

Índia, um planeta dentro do nosso.

07/04/2015

bz_india

Juliana Paula – Índia

Índia – O nome por si só já nos deixa perdidos em pensamentos e devaneios. Nenhum outro país é capaz de despertar os mais diversos sentimentos no ser humano: ódio, repulsa, amor, paixão, devoção, decepção, etc. Mas, uma coisa é certa: ningúém fica imune ao poder que ele emana.

 A Índia sempre esteve na lista dos lugares que eu queria visitar, mas jamais imaginei que um dia estaria não só visitando, mas morando, trabalhando e sentindo este país de perto, o que, para mim, é simplesmente um prazer, já que tenho fascinação por locais que emanam história e cultura.

Antes de morar na Índia, morei e trabalhei 6 anos no Japão como intérprete e tradutora para o governo local. Tudo estava indo muito bem quando a Índia me chamou. Não só me chamou, mas mandou alguém para me buscar! Em 2012, conheci a pessoa a qual alguns meses depois se tornaria o meu esposo. E, de onde ele era? Adivinhem? Sim, de lá mesmo! Da Índia!

unnamed

Com a família na Índia

Devido a barreira linguística e a dificuldade de encontrar emprego no Brasil, enfrentada pela maioria dos indianos casados com brasileiras, nós optamos por morar na Índia.

Desde o primeiro dia que pus os pés aqui, fui literalmente abraçada pelo país e seu povo. Meus vizinhos eram todos muito gentis e me ajudaram muito no início, até eu me acostumar com a dia-a-dia daqui. As crianças da vizinhança vinham todos os dias à minha porta para me chamar para brincar com elas. Foi neste período que consegui um emprego na minha área e fomos todos para Mumbai, o centro financeiro da Índia e berço de Bollywood, a maior indústria cinematográfica do mundo.

Mumbai é um caos organizado, um selva de pedra, um local que te acalenta, mas que também desfaz os sonhos de muitos que por chegam aqui. Mumbai é indescritível. Acho difícil descrever a Índia como um todo, devido a sua pluralidade religiosa, cultural e étnica. E é exatamente isso que faz este país ser tão único!

Mumbai é a cidade dos superlativos. Nela se encontra a mansão mais cara do mundo, Antilia, do empresário Mukesh Ambani, na qual pode-se experimentar até neve, devido ao sistema de climatização instalado na casa. Porém, a mesma Mumbai também abriga Dharavi, a maior favela do mundo, muito bem mostrada no filme Slumdog Millionnaire.

Dharavi (maior favela do mundo - foto do arquivo pessoal)

Dharavi (maior favela do mundo – foto do arquivo pessoal)

Mumbai, que na verdade é formada por 7 ilhas, cresceu demais e não estava preparada para receber tantas pessoas de uma só vez. Resultado disso, muita poluição, muita sujeira em todos os locais, ratos sendo vistos à plena luz do dia, muitos animais de rua, crianças de rua, mendigos, trânsito mais que caótico, aluguéis caríssimos em prédios que não valem nem metade daquele preço, entre outras mazelas. Pensando assim, não dá nenhuma vontade de morar em Mumbai, não é verdade?

unnamed-4

Pelas ruas de Mumbai

Por outro lado, Mumbai é uma cidade extremamente segura e bem menos conservadora que a maioria das cidades indianas. Podemos andar com nossos laptops, celulares, jóias de ouro e diamante, abrir a carteira no meio do rua e ir no caixa eletrônico sem preocupação alguma. São raros os roubos e crimes deste tipo. Aqui muitas meninas usam minisaias, mini shorts, jeans apertado, tatuagem, fumam, bebem, ainda que isto aqui atraia muitos olhares para elas por parte do público mais conservador. Apesar dos aluguéis serem caros, o custo de vida não é caro e há inúmeras vagas para quem quer trabalhar aqui.

Apesar de todas as mazelas desta megalópole, ao olhar para o belo Mar da Arábia, que banha a cidade, acabamos nos esquecendo de todo o caos ao redor e encontramos força para continuar e acabamos nos apaixonando novamente pela cidade!

Mar da Arábia (foto do arquivo pessoal)

Mar da Arábia (foto do arquivo pessoal)

Das cidades indianas, acredito que Mumbai seja uma das mais fáceis em termos de adaptação, mas mesmo assim, fica um conselho: venha de coração e mente abertos e deixe toda a sua “frescura” em casa. Isto é válido não apenas em Mumbai, mas em toda a Índia.

Não sei o que o destino dos reserva, mas se pudesse escolher, ficaria aqui na Índia até o meu último dia de vida neste planeta.

E, caso algum dos leitores do Brasil com Z venha até Mumbai um dias desses, não deixe de me chamar para um cafezinho e eu terei o prazer de guiá-los por esta caótica, mas apaixonante cidade.

Um abraço a todos!

Juliana Paula mora na Índia desde 2013 e desde então, tem desbravado aquele belo e encantador país. Para saber mais sobre ela clique aqui.

20 Comentários leave one →
  1. J. Eduardo Caamaño permalink
    07/04/2015 8:26

    Excelente post, bem-vinda ao blog, Juliana. Fico imaginando a infinidade de curiosidades que podemos encontrar na India, um país único. Você falou que Mumbai é segura. E o resto da India ?

    • 08/04/2015 7:38

      Olá, J. Eduardo! Obrigada pelo comentário! Sim, em termos de roubos, assaltos a Índia, num todo, é extremamente segura. Basta ver o número de joalheiras espalhadas pelas ruas (o povo aqui adora jóia!) onde não se vê nenhum segurança na porta e o dono, sentado no banco, ainda por cima, está tirando uma soneca! Por outro lado, o feticídio feminino ainda é amplamente praticado no país, os crimes por causa do valor do dote e crimes de honra também são bem altos, ainda mais em vilarejos. A segurança da mulher é outro tema importante e delicado por aqui, mas até hoje, nunca enfrentei maiores problemas neste sentido.

  2. Carla Guanais permalink
    07/04/2015 9:01

    Bem-vinda Juliana. Adorei seu texto. índia é um lugar que sempre me fascinou, ainda não tive a oportunidade de conhecer, mas tendo contado com indianos na minha universidade, a curiosidade e vontade de conhece-la aumenta e um dia sim realizarei esse sonho. A coisa de deixar toda a frescura em casa, ir de peito aberto para um outro país vale pra tudo, todos os lugares, não só a India, mas sim claro, principalmente esses países com uma cultura tão diversa da nossa. Beijo.

    • 08/04/2015 7:39

      Sim, Carla! A Índia é mesmo fascinante e espero que você venha nos visitar em breve! Um abraço!

  3. Arlete permalink
    07/04/2015 11:44

    Oi Juliana,
    Muito legal seu post sobre a Índia, a sua visão, paixão pelo país e pela cultura daí, ainda mais depois de ter morado várias anos num país rico e organizado como o Japão. Imagino como deve ser o impacto e a experiência rica de vivenciar duas culturas tão diferentes. Vou gostar de ler mais posts seus. Abraço

    • 08/04/2015 7:41

      Oi, Arlete! É verdade…a Índia é o oposto do Japão, mas aqui há mais vida e tudo é muito mais intenso. Apesar de eu gostar muito do Japão, eu hoje não troco a minha Índia caótica por nada nesse mundo! Um abraço!

  4. David permalink
    07/04/2015 12:27

    Juliana.

    Vc já conheceu as piramides que ficam no sul da Índia ?

  5. 07/04/2015 14:05

    Não digo?Sou grato por descobrir essa página e encontrar aqui tanta informação de países tão diferentes e interessantes,histórias incríveis compartilhadas por vocês (da página) que nos levam a viajar sem sairmos fisicamente de onde estamos. Obrigado. E quanto á India que país fascinante né? Espero ler aqui muito mais histórias da Ìndia e de todos os países aqui representados.

    • 08/04/2015 7:44

      Obrigada pelo comentário! Para mim também é um prazer imenso poder divulgar a Índia para os brasucas e o nosso Brasil para os indianos!

  6. 08/04/2015 6:05

    Bem-vinda Juliana ! Eu e a Carla havíamos comentado da importância de ter um autor da Índia. Quando fiquei sabendo que você entraria fiquei feliz. O blog está cada vez mais completo, com autores de vários continentes (“faltando” a Oceania…) . Espero que você nos conte todos os babados, tu-di-nho da Índia.

    • 08/04/2015 7:45

      Oi, Ana! Obrigada. Sim, pode deixar que vou contar tudinho que tenho aprendido aqui na Índia! Um grande abraço!

  7. Klicia Salgado permalink
    08/04/2015 21:05

    Oi, Juliana, li tudo e amei !!!!!! Parabéns. Saudades de vc. Beijos

  8. Edijane Costa permalink
    09/04/2015 23:05

    Olá Juliana, seja bem-vinda!!! Em 2012 tive o privilégio de visitar a Índia, fui basicamente ao chamado triângulo dourado (Delhi, Jaipur e Agra), mas o suficiente para ficar encantada com a dinâmica sociocultural do país. Imagino a rica experiência que tenha diariamente vivendo neste país e os desafios que teve de enfrentar. Mas recentemente fui a Malásia e assisti a uma cerimónia de um casamento indiano (fiquei maravilhada!) e vendo aqui as suas fotos fico curiosa para saber se casou seguindo o ritual indiano (se quiser responder, é claro). Bjs

    • 10/04/2015 8:43

      Olá, Edijane!

      Obrigada pelo comentário! Sim, a Malásia também tem muitos indianos, principalmente do sul da Índia, né? Respondendo sua pergunta…sim!Eu me casei num templo aqui, seguindo o ritual indiano, com saree, fogo e as 7 voltas ao redor do fogo. E, depois, registramos o casamento no cartório daqui. Só o esforço que fizemos para conseguir casar aqui, já daria um livro ou no mínimo, um filme de Bollywood!
      Um abraço!

  9. Flavia permalink
    11/04/2015 13:44

    Juliana através do seu post é inspirador, fui parar no seu blog recheado de informação e coisas interessantes sobre a Índia ! Parabéns! Entrou uma “coceirinha” aqui para ir desvendar os mistérios indianos ao vivo!!
    Você já viu https://www.youtube.com/watch?v=iTszQSI0Xw4 ? Muito fofo!
    Abraços Namaste

    • 29/04/2015 7:55

      Oi, Flavia!!Obrigada pelo comentario e pela visita la no blog! Nao, ainda nao tinha visto o video que voce me mandou. Vou assistir aqui! Um abraco!

  10. Mirian Garbelotto permalink
    27/04/2015 19:10

    Parabéns, a India realamente deve ser fascinante.
    Sucesso e muitas felicidades.
    Mirian

  11. Paula permalink
    02/03/2017 1:50

    Adorei seu blog. Tenho amigos que são indianos e atualmente moram e trabalham em Mumbai. Sempre mandam maravilhosas da India. Tenho mt vontade de.conhecer. Sou de São Paulo e adoro viajar.

    • 02/03/2017 2:19

      Ola, Paula! Que interessante! Espero que voce possa vir a India. Realmente eh um pais que todos deveriam visitar uma vez na vida, pois eh diferente de tudo o que alguem ja viu na vida. Eh surpreendente. Para o bem e para o mal. Um abraco!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: