Skip to content

Queima das Fitas: A festa dos Universitários Portugueses

08/05/2015

bz_portugalEdijane Costa – Portugal

 

Maio em Portugal é o mês dos estudantes universitários. A festa da Queima das Fitas reúne todos os anos, na semana acadêmica, milhares de universitários em diversas cidades do país e é impossível não se contagiar pela energia do evento. Mas o que é isso de queimar as fitas? Ora bem, eu própria já fiz esta pergunta, muito comum entre os expatriados que aportam aqui na terrinha.

É uma festa que representa a tradição acadêmica organizada pelos estudantes, na qual conta a história (com algumas contradições) que surgiu em Coimbra entre os estudantes finalistas do curso de Direito por volta do fim do século XIX. No Porto, teria começado pouco depois (para alguns antes) entre os estudantes de Medicina que queimavam as fitas que traziam nas pastas (na época chamavam de Festa das Pastas), como forma de comemorar a conclusão do curso. Já em Braga a comemoração chegou um pouco mais tarde (também para alguns antes) e a festa chama-se o “Enterro da Gata” (ainda mais estranho!), a gata representa o insucesso escolar que ao fim do curso deve ser enterrada.

20150505_231102

Cortejo na Avenida dos Aliados no Porto

Ao longo do tempo esta manifestação da comunidade estudantil passou por inúmeras crises, ajustes e adaptações, sendo que após o 25 de abril de 1974 (dia em que o Regime Salazarista foi derrubado) a festa foi interrompida pois era vista como uma comemoração reacionária ao Regime Ditatorial, só retornando por volta dos anos 80.

Atualmente, a festa é a maior expressão da cultura e identidade universitária dos portugueses (sobretudo na região do Centro e Norte do país) é a segunda maior festa dos portuenses (a primeira maior festa falaremos no próximo post!). Ocorre durante a semana acadêmica e agrega uma série de eventos festivos e tradicionais. Em suma, a Queima das Fitas funciona como uma festa para os finalistas e ao mesmo tempo para acolher os novos estudantes que deverão ter-se submetido a “praxe” (trote acadêmico) ao longo do 1º ano do curso. É comum encontrarmos grupos de universitários em situações inusitadas pelas ruas da cidade sendo praxados pelos doutores (alunos veteranos). Por aqui pouco comum é vermos aquelas cerimônias habituais das conclusões de curso no Brasil (tipo, culto ecumênico, missa de ação de graças, cerimônia de colação de grau, aula da saudade, baile de gala, etc.).

Minha participação em 2010

Minha participação em 2010

Em todo o país as universidades e institutos superiores se organizam para realizar a semana acadêmica, pode haver diferenças entre alguns eventos. No Porto, por exemplo (onde tive o privilégio de participar), as principais atividades são: a Serenata, a Missa de Bênção das Pastas, o Sarau Académico, a Cerimônia de Imposição das Insígnias, o Cortejo, entre outras. Durante o Cortejo (que reúne milhares de estudantes, familiares e curiosos e utilizam carros alegóricos, música, grito de guerra das universidades e muita diversão) todos os estudantes usam trajes acadêmicos, os finalistas devem utilizar uma cartola e uma bengala com as cores do curso. Já os caloiros utilizam umas t-shirts com a identificação da universidade e as cores do curso. O ponto alto do Cortejo é quando os estudantes passam em frente a Tribuna, onde normalmente se encontra o Presidente da Câmara (Prefeito Municipal), Vereadores e Representantes do Estado.

27821_119550001401658_6534836_n-1

Para além disso é ainda interessante destacar que todos os dias durante a semana acadêmica tem festa no “Queimódromo”  (ou “Gatódromo” em Braga) espaço reservado para receber os milhares de estudantes e visitantes que vão até lá para curtir o “Cartaz” da festa, que traz artistas nacionais e internacionais. Simplesmente imperdível!

Edijane Costa é psicóloga, pedagoga e estudante, vive em Portugal desde 2008. Curiosa, entusiasta e determinada, gosta de gente, de apreciar e auxiliar no processo de desenvolvimento pessoal. Para saber mais sobre ela clique aqui.

2 Comentários leave one →
  1. lia gomes permalink
    09/05/2015 16:05

    Que delícia ler o teu texto! Bateu uma saudade do meu tempo e da turma de farmácia da UP …. Parabéns!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: