Itália

Procurando emprego na Itália, como começar.

bz_italiaCarla Guanais – Roma, Itália.

Chegando na Itália, uma das maiores preocupações é conseugir um trabalho. A corrida por emprego é uma luta diária em um país em crise, ainda mais sendo um imigrante. Mas é possível.

Um jeito de começar é através dos centros de emprego. Cada comuna tem o seu. Cada centro tem seu site onde dá para procurar endereços e assim saber horário de atendimento.

              Normalmente o centro de emprego conta com uma assistente social, esta que orienta, ajuda na elaboração do currículo, etc.

                  É necessário levar a carteira de identidade e permesso di soggiorno para a inscrição.

                Inicialmente umi migrante não pode ter muito “poder de escolha”, tem que estar aberto para a oportunidade que vier. E uma coisa eu digo: sem falar italiano bem o serviço é: limpeza, faxina. Vale sempre a experiência e aqui, todo serviço é valorizado e não tem essa de ter vergonha de se fazer um tipo de trabalho. Para muitos empregos há a necessidade também do inglês, principalmente em indústria assim como também em bares e restaurantes em cidades turísticas.

Resumindo, não é fácil quando não se tem qualificação, nem experiência, mas é assim também no Brasil não é mesmo? Se não fala a língua direito, não legalizou os estudos, vai trabalhar do que lá?

                O site dos centros de emprego tem um banco de trabalho, onde é possível procurar a vaga pela comuna e se candidatar.

                Outro modo é pelas clássicas agências de emprego. A maioria exige cadastro online, mas vale a pena ir pessoalmente depois para consultar vagas específicas de uma região ou só mesmo pra mostrar interesse e passar uma confiança pro selecionador.

emprego

Algumas agências conhecidas:

Adecco

Obiettivo lavoro

Quanta

Start People

Open Job

Gi Group

 

Neste site é possível procurar agências de emprego por cidade, mas a lista não é completa.

           E outra, agências de emprego também não fazem milagre. É preciso “ficar em cima”, e também procurar outras alternativas como através de conhecidos, entregar currículo diretamente na empresa ou loja, etc.

             É importante também ter um bom currículo no formato europeu oficial. Ressantando qualidades e experiências de acordo com o perfil da vaga no qual será entregue o currículo. Quer saber como montar um currículo no modelo europeu? No site do Cerco Lavoro tem o modelo, a explicação e muito mais sobre como procurar emprego!

In bocca al lupo!!

Carla Guanais é cientista, blogueira e mora na Itália desde 2010, onde está cursando um doutorado. Saiba mais sobre ela clicando aqui.

16 comentários

  1. Carla, boa tarde. Achei fantástica sua orientação sobre validação de diploma medico, me e possível faze-lo, mas como eu conseguiria me empregar como medico?? Voce tem alguma dica?? Amo as regiões da Liguria e Emiglia Romana …nao que a Toscana seja feia, tampouco a Costa Malfitana….ah!!! adoro a Italia e a Franca…pronto….rssss. Tenho titulo de mestrado e também gostaria de continuar meus estudos fazendo doutorado…..abusei, ne?? Obrigado.

    1. Olá Joao, escrevi sobre reconhecimento de diplomas em geral, nao sei bem como funciona o reconhecimento da profissão de medico. Provavelmente tera que completar os estudos, como já ouvi falar. consulte o ministero della salute. Vir fazer o doutorado é uma saída. Veja opções de bolsas brasileiras tbm. boa sorte.

  2. Olá Carla! Estou adorando tudo o que escreve. Muito esclarecedor. Tenho planos de morar na Itália e estou fazendo um curso de língua italiana. Fui em 2012, para conhecer a região de onde vieram meus antepassados, Lucca, e me apaixonei. Não tenho ideia por onde começar nessa minha aventura, sei que preciso trabalhar rsrs básico. Vc poderia me dar algumas dicas? Sou professora de português e tenho experiência em eventos e comunicação. Será que em uma dessas áreas eu conseguiria algo? Obrigada e desculpe o abuso fazendo tantas perguntas! Abraccio

  3. Tenho minha Dupla cidadania e um dinheiro para recomeçar do zero pois no Brasil os comerciantes estão perdendo tudo.Consegui vender meu negocio e pretendo começar do zero no lugar dos meus sonhos q é a Itália. Sou formado em Administração, em gestão de negocios,tecnico em.marketing entre inumeros cursos de adm,atendimento ao cliente e varios aperfeiçoamentos com diplomss e comprovação. Sou protetico formado com odontologia até o oitavo periodo onde precisei largar para cuidar da minha mãe q se encontrava com câncer terminal,foram 2anos de luta. Não me importo com o q vou trabalhar e nem com o curriculum q tenho e sim poder ttabalhar sejs no q for e evoluir em um ligar novo e q eu sempre sonhei em conhecer. Obrigado!!

  4. Ola, Carla, tenho cidadania Italiana, esotu querendo ir embora para a Italia, sou casado tenho 1 filho, claro que vou primeiro me estabeleço e depois busco minha esposa e meu filho. Oque acha? vale a pena?

  5. Ciao Carla, tutto bene?!!!, realmente suas informações ajudam e muito!! Talvez vc saiba informar hj quais as profissões mais requisitadas pelo menos na região que mora, tipo aquelas que os Italianos não gostam de fazer, mas que precisam e muito, que estão em escassez… Grazie

  6. Excelente Post Carla. Eu tenho nacionalidade Italiana, porém tenho fluência no Português e Espanhol e sei o básico do Inglês. Para Italianos funciona da mesma forma? O melhor é viajar e lá buscar emprego em cada Comune?

  7. ola!!

    gostei muito do que li aqui, e gostaria de saber como e a oferta de emprego na Italia durante o inverno ??

    obrigado e um abraço !!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: