Skip to content

10 Curiosidades sobre os portugueses

17/09/2015

bz_portugal

Edijane Costa – Portugal

Não é que os portugueses sejam esquisitos ou tenham costumes muito diferentes dos nossos. Mas, naturalmente, existem algumas particularidades que merecem ser partilhadas com vocês, até mesmo para ajudar a compreender melhor alguns dos aspectos da cultura e hábitos dos lusitanos. Abaixo enumero algumas dessas particularidades:

1. Existe uma clara, declarada e até “divertida” rivalidade entre os portugueses do Sul e do Norte. Os tugas do Sul (que compreende a região da capital Lisboa e da zona balneária Algarve) afirmam que os tugas do Norte (da região do grande Porto e do Douro Litoral) são reservados, conservadores, tem uma pronúncia deficiente e são mal-humorados, entre outras coisas! Já os nortenhos reclamam que os tugas do Sul se acham superiores em diversos aspectos e contestam ainda prejuízos a nível socioeconômico pela concentração de empresas e serviços apenas na zona da capital. Mas esta rivalidade vai além das questões econômicas e culturais….

2. Com apenas duas equipes de futebol a revezar a vitória do campeonato nacional durante, no mínimo, os últimos 13 anos (o Benfica, com mais adeptos concentrados no Sul e o Futebol Clube do Porto, com mais adeptos concentrados no Norte) fica perceptível que esta rivalidade também é aguçada pelo futebol. Sim, não há muita surpresa no resultado do campeonato nacional por aqui, pois o título sempre fica para o Porto ou para o Benfica.

images (2)images (3)

3. Na televisão também não há muitos atrativos (pelo menos para mim!). A programação da manhã e da tarde são idênticas em todos os canais com programas mais voltados para o público feminino. Como não curto muito novelas, nem estes programas, não posso opinar muito sobre a qualidade destes. No jornalismo também não é muito diferente, as reportagens e até o horário em que são transmitidos são os mesmos em todos os canais, quase sempre com o mesmo estilo de reportagem e interpretação dos acontecimentos. Existe um ou outro programa que se destoa pela criatividade, inovação e qualidade, sobretudo no canal público (RTP).

4. Na terra de Camões os livros de autoajuda estão quase sempre entre os mais vendidos e Paulo Coelho é um dos autores mais lidos por aqui. A crise e a necessidade de compreender alguns dos fenômenos comportamentais podem estar por trás da escolha deste gênero literário (Ui, me ocorreu agora que se algum estrangeiro resolvesse escreve um post semelhante sobre o Brasil este tópico também estaria por lá…).

5. Ora bem, em contrapartida, ainda é pouco comum a procura por apoio psicoterapêutico especializado, como os psicólogos. Uma considerável parcela da população faz uso de fármacos como antidepressivos e ansiolíticos (os portugueses estão entre os países europeus que mais consomem antidepressivos e o consumo aumenta ano após ano) e por isso, mais comumente vão ao psiquiatra ou buscam apoio no médico de família por estes poderem passar receitas médicas, uma vez que os psicólogos não o podem fazer.

6. Os portugueses são grandes consumidores de café espresso e sabem muito bem apreciar a bebida. No meio da manhã ou da tarde, após as refeições ou durante uma conversa o cafezinho expresso está sempre à mesa. Eles chegam mesmo a recusar tomar um expresso por não gostar de uma determinada marca e são capazes de andar “às voltas” a procura da marca de café de que gostam.  O café em Portugal é o mais barato da Europa e de excelente qualidade, portanto é possível se darem a este capricho, a que eu também já me rendi.

transferir (1)imagestransferir

7. Boa parte da população gosta de um estilo musical muito animado e com trocadilhos nas letras conhecido como Música Pimba (que significa mais ou menos brega). Nas festas populares, sobretudo nas aldeias e cidades do interior são os cantores Pimbas que comandam a diversão, mas o curioso é que as músicas brasileiras se misturam no meio deste ritmo português.

8. Outra coisa que é muito apreciada do lado lusitano do Atlântico é o cigarro (25% da população fuma). Em todos os bares e restaurantes existem áreas reservadas só para fumantes e ao meio do trabalho, de uma aula ou de um jantar é normal dar-se uma “pausa” para que possam fumar. Ver adolescentes ou professores nas escolas e universidades a fumar é muito comum (aliás, até fumam juntos). Sei que o fumo é um hábito muito comum nos países europeus e até um direito, mas me incomodo bastante, apesar de respeitar.

9. Sobrenomes para lá de curiosos (e alguns até esquisitos!), como: Angústias, Cabaços, Purgatório, Mal lavado, Cabeçudo, Orelhudo, Aliviada, Bagaceira, Campa do Preto, Focinho de Cão, Garanhão, Hospícios, Pedaço Mau, Sítio das Solteiras,  Vacalouras, Rego do Azar,  Punhete, Deixa o Resto, Anais, Cornalheira, entre muuuitos outros servem para nomear lugares e vilas sendo bastante comuns por aqui (eu sei, vão dizer que também é possível fazer uma lista com nomes estranhos de cidades brasileiras!). Fico só a imaginar qual será o adjetivo pátrio de que nasce em Deixa o Resto ou em Punhete, por exemplo.

10. Facilmente se fica a saber que todo português tem algum parente próximo ou distante emigrado no Brasil. Ao perceberem que somos brasileiros, e numa abordagem inicial, vem sempre alguém nos dizer que tem parentes por lá, sobretudo as pessoas mais velhas. É mesmo uma forma muito gentil e simpática de dizerem que gostam do Brasil.

É claro que existem ainda outras tantas dezenas de curiosidades sobre os lusos e algumas das citadas aqui mereciam ser mais aprofundadas pois ajudariam a ilustrar melhor os costumes dos portugueses, mas isto vai ser matéria para outro post.

———————-

Edijane Costa é psicóloga, pedagoga e estudante, vive em Portugal desde 2008. Para saber mais sobre ela clique aqui. Sigam-nos nas mídias sociais para atualizações diárias pelo Twitter, Facebook e Instagram

9 Comentários leave one →
  1. 17/09/2015 6:57

    Quando cheguei aqui ha mais de uma década atras achei que os europeus fumavam muito. Na França, Espanha, Portugal… Agora na Holanda isso diminuiu pra caramba. Os maços vem com metade do pacote tomado por aquelas tarjas bem grande do tipo “VAI MORRER JA DESGRACADO!” e também é proibido fumar em qualquer espaço fechado. Hotéis, lobbies, cafés, bares, restaurantes. A multa é pesada.
    Esses sobrenomes que você citou são um horrore ! Eu ja fiz um post sobre os lokos sobrenomes holandeses. Tem um monte de Berg (montanha) por aqui. Vai entender…

    • 21/09/2015 14:06

      Em Portugal, apesar da legislação proibir fumar em locais públicos e fechados, na prática parece que estes são os locais preferidos pelos fumadores. Sinto que estou a me torna uma fumadora passiva… :/

      • 22/09/2015 20:06

        Então Portugal é que nem o Brasil onde algumas leis “pegam” e outras não? Olha, fumar em qq lugar publico incluindo restaurante, cafe ou bar não rola em hipótese nenhuma e ponto final. Ate o inicio dos anos 2000 o pessoal fumava na casa dos outros sem nem perguntar se podia. Em festinhas na minha casa então… Ficava depois fedendo durante uma semana. Mas todos os amigos e colegas do meu marido que se tornaram pais nunca mais fumaram (e foram fazer mountain bike e correr maratonas). A regra geral por aqui é não fumar.

      • Carlos Oliveira permalink
        30/04/2016 15:01

        Olá! Parabéns pelo artigo interessante! Em certas circunstâncias, a lei permite, o fumo em locais públicos fechados, algo que apenas mudará em 2020. https://www.publico.pt/sociedade/noticia/conselho-de-ministros-aprova-revisao-das-leis-do-tabaco-e-do-alcool-1693355

  2. 17/09/2015 10:47

    Oi, Edijane!!Adorei o texto!!Mas, a parte que mais me identifiquei foi a do cafe. Eu simplesmente amo cafe e bebo como se fosse, mas ainda nao conheco os cafes portugueses. Hmm…um serio motivo para incluir Portugal na minha lista de lugares que quero conhecer pelo mundo afora. Um abraco e sucesso!!

    • 21/09/2015 14:10

      Olá linda, também sou fã de um bom café e o expresso português então…vai adorar. Mas confesso que sinto uma saudade do cheirinho do nosso café brasileiro sendo coado na hora…hummm

      • 21/09/2015 16:32

        Oi, Edijane!!Nem me fale do cafezinho brasileiro!!!Tambem sinto falta dele aqui na India. Ainda mais quando peco um cafe puro e eles insistem em trazer com leite!!! Um abraco!

  3. 01/09/2016 22:05

    Sobre o cigarro: agora ,aqui no RJ,pelo menos,é terminantemente proibido..e por estranho que pareça, foi uma lei que PEGOU!!!! Não se fuma em ambientes fechados..Eu parei de fumar em 2006 e os lugares que frequento, não tem fumantes.As pessoas saem e vão fumar lá fora..E se alguém insistir, vc chama segurança que vai lá e fala com a pessoa.No outro dia estava no clube, em um baile e duas mulheres acenderam cigarro.Foi tanta gente torcendo a cara, e tossindo, que elas sairam e levaram até a mesa aonde estavam sentadas..kk Se vc fuma, fica sem jeito perto de dezenas que nao fumam.. Muita gente aqui PAROU definitivamente..Na minha família não tem mais NENHUM fumante nem no meu trabalho.. Vc pode fazer até tratamento , nos postos de saude, de graça!!!

    • 19/09/2016 15:56

      Olá Vera, obrigada pelo comentário. Gostaria muito que aqui também fosse assim. Quem sabe no futuro 😉

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: