Skip to content

A questão da carne bovina na Índia

02/11/2015

bz_indiaJuliana Paula – Índia

Uma das perguntas que meus conhecidos e amigos brasileiros mais fazem é:

“E como você está se virando na Índia  sem o nosso churrasco?”

Os veganos que me perdoem, mas eu não resisto a uma picanha. Mas, a verdade é que não levei em consideração este fato ao me mudar para a Índia. Porém, ao chegar aqui, meu esposo me apresentou a carne de búfalo, a qual eu nunca tinha provado antes e, a verdade é que é bem saborosa, se bem cozida e temperada. Então, aquilo ali servia para substituir a carne de vaca sempre que a vontade batia. Até strogonoff já fiz aqui em casa!

Entretanto, desde meados deste ano, a carne de búfalo passou a ser banida no estado onde eu moro e, em outros estados, também. Em alguns, caso alguém seja pego consumindo ou estocando carne de vaca, búfalo ou qualquer outro animal da família, o indivíduo pode pegar até cerca de 10 anos de cadeia ou ter que pagar uma alta fiança. Muitos protestos aconteceram e a proibição da carne de búfalo ainda não está sendo bem digerida por muitas pessoas, sobretudo cristãos e muçulmanos, sendo estes últimos, os principais criadores e exportadores do animal aqui na Índia. Já outros, mesmo hindus, criticaram a decisão do governo, alegando que se a Índia se gaba em ser a maior democracia do mundo, não deveria se importar tanto com o que cada um come, mas sim, com outros assuntos mais importantes, como corrupção, saneamento básico, etc.

cantouchthis

Mas, a verdade é que de uma semana para a outra, todas os restaurantes que serviam carne de búfalo, passaram a não servir mais. Os estrangeiros também reclamaram bastante, já que agora as opções ficaram ainda mais escassas.

Muitos amigos meus do Brasil, me disseram que jamais teriam coragem de viver em um lugar onde não pudessem fazer ou degustar aquele churrasquinho no fim de semana. Bem, o churrasquinho até existe (kebab), mas tem que ser de frango ou carne de carneiro. Vaca e búfalo estão fora de questão. Afinal, ninguém quer ir ver o sol nascer quadrado por causa de um bife, não é mesmo?

A verdade é que  a culinária indiana é riquíssima e dá muito para comer muito bem sem depender da carne. O problema é que nós, que estamos acostumados a ela, sentimos falta e acabamos querendo comer uma vez ou outra. Nestas horas, como fazer? Bom, no meu caso, o melhor substituto que encontrei para a carne de vaca, foi a carne de carneiro, conhecida aqui como gosht ou mutton.

mutton

Caso você tenha planos de visitar a Índia ou morar aqui, a questão da alimentação é algo que pesa bastante no nosso dia-a-dia. Talvez você nem seja chegado a um bife, mas goste de uma cervejinha. Porém, dependendo do estado onde for morar, aquele choppinho de sexta-feira pode não estar a tão fácil alcance assim, já que em alguns estados, as bebibas alcoólicas são banidas e é necessário obter uma licença para consumo. Mesmo assim, consumo limitado.

BLOG Vaca

Em relação a carne de vaca, búfalo e outros, a lei varia conforme o estado. Porém, hoje, podemos dizer que apenas Kerala, West Bengal e algumas regiões do Noroeste da Índia (Arunachal, Mizoram, Sikkim, etc.) não aboliram até o presente momento o abate e consumo da carne bovina. Nos outros estados, até o transporte de carne bovina pode dar cadeia. Em outros, para que o animal possa ser abatido, é preciso provar através de documentos, que o mesmo já não tem mais utilidade, está doente ou deficiente.

Portanto, nem pense em trazer de Brasil algum produto que possa conter carne bovina, também. Tinha pensado em trazer algumas daquelas comidas prontas, como carne com mandioquinha, mas depois, acabei desistindo. Melhor prevenir do que remediar.

lamendecarne

Para se ter uma ideia de como a questão da carne é complicada por aqui, semana passada um senhor muçulmano foi morto por vizinhos hindus por terem suspeitado de que ele estivesse estocando carne em carne. A carne mesmo, ninguém achou. Mas acharam o corpo dele, com sinais de violência.

Como podem ver, um simples bife pode causar muitos, muitos problemas. Então, fique atento e enquanto estiver na Índia, esqueça a picanha!

——————————-

Juliana Paula já morou e trabalhou no Japão. Atualmente mora na Índia desde 2013 e desde então, tem desbravado aquele belo e encantador país. Para saber mais sobre ela clique aqui. Sigam a nossa página no Facebook acessando: http://www.facebook.com/blogbrasilcomz e dêm uma curtida ! Temos também uma conta no Instagram e no Twitter. Divirtam-se ! 

7 Comentários leave one →
  1. 02/11/2015 16:11

    Aqui entre nós, ficar comendo bicharada deve dar um karma horroroso. Tinham que empurrar as vacas para os campos e ela serem devoradas pelos seus inimigos naturais, o tigre de bengala, por exemplo. Vacas também soltam muito pum, prejudicam a camada de ozônio. Agora, ficar no meio dos carros não é um ambiente natural, estressa as vacas e os humanos. Blablabla, agora dá licença que eu vou ali comer um bifinho e assim alinhar todos os meus chacras. Namaste.

  2. André Fernandes permalink
    02/11/2015 18:17

    eu tive bastante dificuldade em me adaptar à dieta vegetariana, acostumado com carne e churrasco. uma preparação para dieta vegetariana vale a pena considerar para não perder alguns quilos.

    • 02/11/2015 18:22

      Oi, Andre!!Eh verdade…no inicio eu tinha tanta coisa para pensar e me adaptar, que a carne nem foi prioridade!Mas, depois de um tempo, comecei a sentir falta. Alias, do dia 4 ao dia 13, estaremos de volta a dieta vegetariana, ja que visitaremos meus sogros. E, excluindo o ovo, tambem. Se der para enxugar uns quilinhos, ate que vale a pena!! Hehehee..

  3. Auto-exilado permalink
    02/11/2015 19:37

    Linchar porque tinha carne de vaca em casa. E quem nao é hindu, como fica?Isso que é democracia e tolerância religiosa. Aqui no Reino Unido ninguém obriga a eles a comerem came bovina ou proíbem de comerem carneiros nos seus curries.

    Do que são feitos os artigos de couro que os indianos tanto exportam aqui para a Inglaterra, com etiquetas escrito “Genuine Leather”? Couro vegetariano? De ovelha? De elefante? De frango? De peixe? Ou bovino, mas só de boi? Será que matar o “marido” da “divina vaca” pode?

    Brahma, Brahma! Krishna, Krishna!

    Viva a coerencia!

    Om!

    Auto-exilado

  4. 02/11/2015 23:26

    Muito interessante, Juliana! Mudar hábitos requer tanto esforço, não? Estou flertando com a dieta vegetariana há tempos, mas ainda não consigo abrir mão da carne… Você sabe por que a vaca é sagrada na Índia?

    • 03/11/2015 4:49

      Oi, Sheila!!Obrigada pelo comentario. Bem, esta eh uma pergunta dificil, pois muitos hindus nao sabem responde-la, tambem. A verdade eh que nos livros sagrados hindus, ha interpretacao para ambas as praticas: abatimento de gado e proibicao de abatimento. E, a adoracao da vaca como animal sagrado nem sempre esteve presente nos rituais hindus. Os arianos, povo que invadiu a India e veio da Asia Central, certamente tinha o habito de comer carne bovina sim, por isso, ha muitas controversias em relacao a este tema. Ja outras pessoas dizem que a vaca eh simplesmente adorada por ser um animal extremamente util, ja que a base da alimentacao indiana vem da vaca, podemos dizer, com excecao da carne. Ja outros, dizem que a vaca para os indianos estaria para o cachorro ou gato para os ocidentais. Assim como a gente nao come cachorro nem gato, eles tambem nao comeriam a vaca, por terem essa afeicao ao animal. Enfim…eh um tema bastante polemico e so fazendo um estudo historico e cultural muuuuito aprofundado para se chegar a uma conclusao. Mas, a verdade, eh que ate hoje, ninguem chegou a um consenso. Um abraco.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: