Skip to content

Diários do Vaticano

10/12/2015

bz_italia Ricardo Schaeppi – Roma e Vaticano

Um dos momentos mais belos para se visitar o Vaticano é durante o pôr do sol, quando a Basílica de São Pedro se ilumina e ainda há uma certa claridade no céu, destacando o seu contorno e criando uma imagem mágica, encantadora e quase irreal. Os museus do Vaticano acolhem um dos acervos de arte mais fascinantes do mundo, de uma beleza e valor incomparáveis. É com prazer que já caminhei várias vezes pelos seus corredores admirando esculturas antigas, pinturas de tirar o fôlego como as de Raffaello, Caravaggio e Veronese, tapeçarias renascentistas e milhares de outros objetos de arte produzidos pelos romanos há quase 2000 anos.

BLOG Vatican

Porém por detrás deste Vaticano feito de museus e Capela Sistina, há um Vaticano onde centenas de pessoas – a maior parte clérigos católicos – trabalham todos os dias promovendo a fé católica. E é justamente esse Vaticano concebido por homens que aparecem nos jornais italianos com uma certa frequência envolvidos em escândalos e que há pouco tempo foi tema do livro “Avarizia” do jornalista Italiano Emiliano Fittipaldi. Uma bomba nos círculos religiosos e políticos de Roma.

BLOG Pope and swiss guards

O Papa e os guardas suíços, foto via Associated Press. 

O livro descreve conflitos e intrigas dentro do Vaticano, a luta por poder, os abusos da igreja e o medo de vários membros da “Curia Romana” que o Papa Francisco transforme a igreja numa entidade para os pobres, os sem-teto, os necessitados. O livro fala do medo de vários cardinais de perder os privilégios, o poder e a riqueza que alcançaram durante quase 2000 anos de história e do desejo de fazer tudo ao seu alcance para impedir que o Papa Francisco atinja os seus objetivos. “Avarizia” também descreve superfaturamentos de obras, cardinais gastando EUR 24.000 com uma viagem de helicóptero de Roma a Potenza, os investimentos faraônicos do Vaticano e muitas outras mutretas para fugir do fisco. Sem esquecer que de vez em quando aparece nos jornais italianos um sacerdote ou cardinal envolvido em escândalos sexuais. E por falar em escândalos sexuais, no ano passado quando vim passar três meses aqui em Roma (antes que me mudasse definitivamente para cá), uma vez peguei um táxi para voltar para casa e, como era inevitável, passamos pela Basílica de São Pedro a caminho do bairro onde eu morava. Naquele exato momento o motorista do táxi me revelou que ele e outros taxistas eram chamados com uma certa frequência para levar rapazes e garotas de programa ao Vaticano no meio da noite. A minha primeira reação foi pensar que ele estava gozando da minha cara mas pelos seus relatos acontecia com mais frequência do que eu pudesse imaginar, e é lógico que na calada da noite.

Que a igreja aqui em Roma aluga quartos para turistas em alguns conventos ou hotéis que estão em suas mãos pelo mesmo preço de um hotel normal cujos donos devem pagar impostos (estabelecimentos que pertencem à igreja pagam menos impostos criando assim uma concorrência desleal), já sabia. Porém o que tornou-se claro é que o Vaticano, apesar de ser um mini país religioso, uma teocracia dentro do território Italiano, é no fundo um país (ou quase) como qualquer outro. É uma cidade-Estado governada por homens como os políticos de todos os outros países do mundo. Com uma população oficial de somente 800 habitantes, o Vaticano tem uma influência na vida de milhões de pessoas no mundo inteiro. Seus governantes também fazem os mesmos erros que os governantes de outros lugares, acabam cedendo às mesmas tentações, dão prova de fraquezas semelhantes.

BLOG La Pieta de Michelangelo

“La Pietà, escultura de Michelangelo, museu do Vaticano.

Aqui em Roma não se pode evitar o Vaticano, queira ou não queira. A cúpula de São Pedro pode ser vista de vários pontos da cidade e divide as opiniões do povo. Uns que adoram tê-lo aqui do lado, outros que vêm o Vaticano como um buraco negro onde o dinheiro do contribuinte italiano desaparece. Ainda há os que não veem nenhuma separação entre o estado – que oficialmente é laico – e a religião pois o Vaticano acaba pondo o nariz na política nacional. Mas de uma coisa podemos ter certeza: com tantos escândalos e intrigas no Vaticano, não precisamos de novelas por aqui. Os jornais nos deliciam regularmente com os novos capítulos que nos aguardam impacientemente!

Gostaria de saber da experiência dos leitores que já estiveram no Vaticano. Foi aquilo que vocês realmente estavam esperando, mais ou menos? Qual é a imagem que vocês têm dele? O que vocês acham dos escândalos conectados com o Vaticano?

============

* Para saber mais:

“Via Crucis”, do jornalista italiano Gianluigi Nuzzi e “Avarizia”, Emiliano Fittipaldi.

Artigo da Folha de São Paulo: “Livros expõem resistências do Vaticano às reformas propostas pelo papa”, clique aqui. 

____________

 Ricardo Schaeppi é carioca e atualmente mora em Roma.  Para saber mais sobre ele clique aqui.

Siga a fanpage do blog no Facebook acessando: http://www.facebook.com/blogbrasilcomz ou clique aqui. 
No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: