Skip to content

Quais são os 5 vilarejos imperdíveis na Itália?

15/04/2016

bz_italia Ana Patricia – Itália 

 A Itália é o país das aldeias. De norte a sul existem lugares lindos, muitas vezes distantes das grandes cidades, imersos entre os bosques ou no topo dos montes. Empoleirados ou deitados sobre extensões verdes, encontramos essas pequenas maravilhas, onde o tempo parece passar lentamente.

As aldeias são consideradas verdadeiras jóias do patrimônio artístico e paisagístico italiano, tem um fascínio que vem de uma maneira especial por seus pontos de vista, e as atmosferas que oferecem imagens relaxantes de lugares que permaneceram parados no tempo. Na maior parte dos casos se trata das cidadezinhas que remontam a época medieval, longe dos centos populosos e caóticos mais conhecidos.

Italy, Calabria, Morano Calabro

Italy, Calabria, Morano Calabro

Do norte ao sul, a Itália é rica de aldeias características e fascinantes, muitas vezes subestimada dos circuitos turísticos que preferem as cidades ricas de monumentos, igrejas, museus e sítios arqueológicos.

A posição, muitas vezes desconfortáveis e a exclusão dos clássicos itinerários representa um dos motivos no qual esses lugares conseguiram conservar no tempo um fascínio autentico, e até misterioso.

Para eu estabelecer um ranking para decidir quais são as aldeias mais bonitas da Itália, é muito difícil. Se quiser pode fazer uma lista, sendo certo que, em qualquer área que você vá é muito fácil individuar lugares pitorescos para visitar. De modo que, após a descoberta desse patrimônio inestimável na Itália, o turismo voltou a crescer significativamente.

Com esse propósito sugiro algumas das aldeias consideradas imperdíveis, propondo uma viagem virtual através de cinco das numerosas aldeias mais bonitas da Itália. Voltando a repetir que é só um modo para dar uma ideia desses lugares. Até porque a Itália é cheia dessas encantáveis cidadezinhas e citar somente cinco poderia ser muito redutivo.

 VERNAZZA – LIGURIA

Iniciamos então esse pequeno tour entre as aldeias da Itália, falamos da primeira aldeia escolhida, se trata de Vernazza, uma das aldeias pertencente às maravilhosas Cinco Terras, na Ligúria. Um tripúdio de cores cercado por torres potentes acima da cidade, das tantas lojas, varandas e estreitas vielas.

View over the Cinque Terre village of Vernazza, Italy

SONY DSC

Vernazza é considerada uma, senão a mais sugestiva e colorida entre as aldeias das Cinco Terras, é uma pequena jóia que possui alguns monumentos notáveis como a igreja paroquial de Santa Margherita di Antiochia, colocada em uma invejável posição com vista para o mar. Essa igreja foi dedicada a Santa Margherita pois uma lenda diz que pode ter sido ali que encontraram um dedo da mão da Santa. Interessante é também o castelo dos Doria de Vernazza que nos presenteia com vistas pitorescas, apesar de atualmente ser visto somente uma torre. Enfim tem o Santuário de Nossa Signora di Reggio onde se venera uma Virgem Negra com o menino e é festejada no primeiro domingo de agosto.

 CIVITA DI BAGNOREGIO – LÁCIO

A segunda aldeia que individuamos é Civita di Bagnoregio.

 Civita di Bagnoregio é também chamada de “a cidade que morre” causada desse fenômeno erosivo, mas resta como um dos centros mais bonitos e fascinantes da zona. Autêntica ponta de diamante do turismo em Tuscia, na prática conseguiu sozinha fazer sistema com todos os outros lugares da província. Um lugar mágico da província de Viterbo, Bagnoregio é uma cidade car free pois devido a sua situação é possível chegar através de uma longa ponte somente a pé ou de moto. É um lugar realmente fascinante graças a sua posição empoleirada em cima de um penhasco, mas também um lugar azarado porque é uma joia italiana “em fase de extinção”, pois a colina que a hospeda está erodindo lentamente.

Civita di bagnoreggio

 SPELLO – UMBRIA

A esse ponto falamos da terceira aldeia para visitar, situada em Umbria, posicionado em um esporão do Monte Subasio, se trata de Spello, uma das aldeias mais bonitas da Itália que nos presenteia com maravilhas arquitetônicas e estupendas vistas. Spello é uma aldeia colorida, para se conhecer lentamente e sentir os cheiros e experimentar todo o seu esplendor. Partindo da parte meridional até a Porta dell’Arce.

Spello, Umbria

 A entrada para a Porta Consolare era a entrada principal desde o tempo do incêndio romano na parte mais a jusante. A majestosa porta romana nos introduz no popular Terziere Porta Chiusa, um dos três bairros de Spello. Embutidas nas estreitas vielas e floridas se notam as casas-torre, que utilizam nos muros a pedra calcária rosa e branca extraída do vizinho Monte Subasio. No coração da cidade chegamos na Via Cavour, onde são concentradas as mais antigas oficinas ricas de produtos locais. Nesses lugares se respira a tradição e se conservam velhos saberes, atualmente, longe e esquecidos.

 CEFALÚ – SICILIA

A quarta aldeia que queremos inserir nesse elenco é Cefalù, situado próximo a um promontório, Celafù te fascinará já pela sua localização. Situada a cerca de 50 km de Palermo, Calafù é, com certeza, um dos locais turísticos mais famosos e renomados da Sicília.

Cefalu, Sicily

 Se trata de uma antiga aldeia medieval, entre as mais belas e conservadas da Itália, que conseguiu manter intactas as próprias características e atmosferas, apesar de todo ano ser a meta predileta de milhares de turistas provenientes de todo o mundo. Não perca os espetaculares pores do sol dos antigos fortes e do Bastione di Capo Marchiafava que ficam de frente ao mar e nos presenteia com uma vista espetacular em toda a costa. Construída em um promontório no mar, Calafù oferece aos turistas notáveis atrações. Um passeio pelo centro histórico, entre as pequenas e estreitas ruas, as antigas habitações, as lojinhas, os restaurantes e sorveterias, te dará a impressão de estar em um lugar sem tempo, onde o passado e a modernidade se fundem em modo harmonioso, sem pisar nos pés.

 SCILLA – CALÁBRIA

Enfim, a última aldeia que escolhemos, se encontra na Calábria e é Chianalea di Scilla, um espetáculo da natureza. Chianalea di Scilla é a pitoresca aldeia de pescadores que fica na ponta da bota, na encantadora Costa Viola na província de Reggio Calabria. Chianalea é famosa por ser considerada a “pequena Veneza do Sul”, podemos considerar como um mosaico de casas localizadas diretamente no mar e divididas por estreitos becos. Por essa sua particularidade, Chianalea de Scilla aparece entre as aldeias mais bonitas da Itália e merece realmente ser descoberta. O seu nome, Chianalea, deriva de “Piano della Galea”, mas é chamada também de Acquagrande ou Canalea, pelos becos que descem ao mar e que parecem pequenos canais. A espontaneidade da arquitetura, os pequenos acessos ao mar, as íngremes escadarias e os becos atravessados pela brisa marinha e do som do mar batendo nas rochas, vai deixá-lo sem palavras.

Scilla ed il Castello dei Ruffo

Em Chianalea encontramos todos essas particularidades e os tons das aldeias de mar mais autênticas. A sua origem é muito antiga, como se narra desde os tempos de Homero: construída pelos exilados de Tróia pela sua posição e pela riqueza das suas águas. No “Scaro Alaggio”, local de desembarque de barcos de pescadores, encontramos o harmonioso Palazzo Scategna, que agora se transformou em um hotel, toda a baía dominada pelo virtuoso Castello dei Ruffo, que surge em uma rocha que leva o nome do famoso monstro homérico. O Castello foi a habitação do Conde Paolo Ruffo que dominou o feudo de Scilla em 1523, defendendo a aldeia do Pirata Barbarossa. Dessa antiga fortaleza é possível admirar um panorama maravilhoso nas Ilhas Eolie e parte da costa siciliana. A pesca sempre foi a atividade principal da aldeia, a máxima expressão era a pesca do peixe-espada: realizada com os  “luntri”, ou seja, as típicas embarcações a remos, ou com as mais modernas “passarelas”, barcos a motor com a antena de vigia (medalhões) e os andaimes a proa. A apoteose da pesca de peixe-espada se encontra nos meses de agosto, quando acontece a Sagra do Peixe-Espada. Um evento criado para a recuperação das antigas tradições, que conta histórias e cultura de Scilla e de Chanalea. Entre noites com momentos de folclore, música, mostras e eventos temáticos, tudo enriquecido com uma oferta enogastronomica onde se sobressaem naturalmente todos os pratos a base de peixe-espada.

 Conclusões

As aldeias mais belas da Itália representam o destino ideal para quem ama relaxar longe do caos cotidiano, em verdadeiros e próprios oásis de tranquilidade, que além de vistas fantásticas oferecem uma tradição culinária renomada e genuína. Para visitar a Itália de uma forma original e para uma estadia que não esquecerá nunca, então devem visitar esses lugares à procura de vistas de tirar o fôlego, de tradições esquecidas e sensações que serão uma surpresa.

Concordam ou discordam leitores ? Até o próximo mês!! 🙂

Grande abraço da Itália,

Ana Patricia

_________________

Ana Patrícia da Silva é uma Rondoniense formada em Turismo pela Universidade de Calábria e  vive na Itália há 12 anos. Escreve para o blog Viajando para Itália Para saber mais sobre ela clique aqui. Sigam-nos no Facebook, TwitterInstagram

10 Comentários leave one →
  1. Luciana permalink
    15/04/2016 16:37

    Ah querida, vc é especialista em dar idéias maravilhosas. Viajar com sua orientação é ter certeza de uma viagem inesquecível.

    • 15/04/2016 18:26

      Obrigada Luciana! 🙂 queria ter tantos leitores como você!! Faz o nosso trabalho ser um grande prazer!! Abraços da Itália, Ana Patricia

  2. Tainá permalink
    15/04/2016 18:45

    Amooo! Tem Bossana Vecchia que também é maravilhosa e fica em San Remo, vale a pena conhecer!

  3. viciolicito permalink
    20/04/2016 14:24

    …um local mais lindo que o outro…blog maravilhoso esse – parabéns!!
    https://viciolicito.wordpress.com/

  4. 22/04/2016 3:05

    Já anotei todos na wish list!!

  5. miguel permalink
    23/05/2016 20:51

    Parabéns pela matéria! Agradeço pelas informações, pois dificilmente encontramos nos roteiros….

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: