A Itália é um país rico de magia e lugares encantadores. A riqueza desse país não é confinada unicamente aos museus, mas tem algo intangível que inspira a todos aqueles que vão ao redor e descobrem pequenas e grandes aldeias que são únicas. Por isso, falaremos de uma dessas extraordinárias aldeias:

Portofino

Está localizada a poucos quilômetros de Gênova e é circundado por mar e montanha ao mesmo tempo.

Portofino, Liguria, Itália @blogbrasilcomz

Portofino, Liguria, Itália por Ana Patricia da Silva

A aldeia marítima foi sempre amada tanto pelos turistas quando pelos VIP. A sua pracinha, rodeada pelas típicas casas ‘liguri’ e contornada por verde, não pode deixar indiferentes e com certeza oferece aos visitantes um panorama único ao mundo, Portofino era até 1800 uma cidade de marinheiros e pescadores, para depois passar no século XIX como o lugar escolhido pelos nobres de toda a Europa como ao lugar ideal para as residências estivas.

Dede antigamente, Plínio e Petrarca exaltavam a extraordinária beleza de Portus Delphini, assim era chamada pela presença dos numerosos golfinhos no golfo. Ainda hoje a aldeia continua a meta ideal do Jet set internacional que ciclicamente os visita, de qualquer forma Portofino não é só um posto exclusivo para os VIP e industriais, mas para qualquer um que ame a beleza e queira apreciar essa encantadora localidade para se sentir, de algum modo, VIP.

O escritor Guy de Maupassant, a respeito de Portofino escrevia: “um pequeno vilarejo que se alarga como um arco de lua em torno a essa calma bacia”, uma definição perfeita para colocar o acento na posição ideal onde está esse maravilhoso lugar. Para aproveitar o aspecto mais genuíno de Portofino precisa andar no alto e aproveitar as atrações turísticas do lugar como a Igreja de San Giorgio. É uma igreja reconstruída recentemente (1950) em um edifício de 1154 que no curso dos séculos foi refeito várias vezes. Trata-se, portanto, do lugar de culto cristão do Promontório de Portofino, desce ao longo das ríspidas costas rochosas da área marinha protegida.

Portofino, Liguria, Itália @blogbrasilcomz

Portofino, Liguria, Itália por Ana Patricia da Silva

É certamente o símbolo da fé para as pessoas locais, obrigadas, antigamente, a arriscar a própria vida para sobreviver na batalha contínua com o mar. No interior da igreja são conservadas as relíquias do santo que datam do período das Cruzadas. A Igreja é facilmente alcançada a partir da pracinha de Portofino.

As vistas mais espetaculares, porém, se veem das sacadas do Castelo Brown aninhado sobre a antiga aldeia, uma antiga fortificação e residência dos nobres, circundado por um jardim rico de flores e plantas.

A mansão (‘maniero’) que leva o nome do cônsul inglês que foi proprietário até o final de 1800, domina Portofino e presenteia os visitantes com vistas belíssimas. É fácil chegar partindo da pracinha de Portofino, com um passeio de quinze minutos por uma estradinha que sobe e serpenteia entre oficinas típicas e velhas casas de marinheiros sabiamente reestruturadas. Hoje o castelo é de propriedade da cidade de Portofino, é utilizado também como local para eventos, casamentos e exposições culturais. O Castelo é aberto ao público de março a outubro, todos os dias, das 10h às 19h, e de novembro a fevereiro, todos os dias das 10h às 17h. é também uma das sedes da área marinha protegida de Portofino.

Portofino, Liguria, Itália @blogbrasilcomz

Portofino, Liguria, Itália por Ana Patricia da Silva

Prosseguir ainda o passeio longe do caos e perto da natureza, para chegar ao Farol de Portofino, que é no topo e oferece uma encantadora vista da aldeia e golfo. A vista é digna de um cartão postal.

Uma histórica construção localizada no lado oriental do promontório, domina do alto a área marinha e pode chegar pelo mesmo percurso que permite de chegar até o Castelo Brown, através de um fascinante caminho que serpenteia entre tirar de mancha mediterrânea e sobre ríspidas costas onde crescem espontâneos pinheiros, ampelodesma e euforbie arboree. Ao término do caminho, a tranquilidade da natureza ao redor e a selvagem beleza rende o lugar uma pequena ermida.

Não podemos esquecer que Portofino , além de ter sido set de numerosos filmes cinematográficos, faz parte da Área Natural Protegida pelos relevos oceanicos, a rica vegetação e os penhascos submersos (de grande mérito naturalístico) onde podemos encontrar diversas espécies de peixes, anel do famoso coral vermelho de Portofino. O Parque de Portofino é uma sucedida fusão entre natureza e atividade humana, é um exemplo perfeito de desenvolvimento de paisagens com um contínuo e harmonioso alternar de ecossistemas naturais e cultivos, com uma extraordinária diversidade de ambientes, tudo para experimentar, mas como descobrir as belezas do Parque de Portofino?

Portofino, Liguria, Itália @blogbrasilcomz

Portofino, Liguria, Itália por Alberto Gragera

Não se preocupe, bastam as tantas excursões a pé e de barco, ou fascinantes passeios de mérito ambiental e panorâmico. Graças ao clima temperado, no Parque de Portofino pode fazer excursões e trekking em todos os meses do ano. Na primavera a vegetação, constituída da típica mancha mediterrânea, é toda florida. As trilhas são simples e são claramente visíveis.

Do mar é possível admirar também Punta Chiappa, uma língua de rocha nua que se estende para o mar, aqui encontramos o menor porto do mundo, Porto Pidoccio, e não é difícil, dizem os pescadores, assistir a paisagem das baleias.

Portofino, Liguria, Itália @blogbrasilcomz

Foto de Alberto Gragera, Portofino, Liguria, Itália

É um ponto de imersão de interesse seja naturalístico que histórico. Um passeio em Portofino é muito especial. O cenário único da aldeia fica impresso na mente de cada visitante, assim como as sugestões ligadas a um ambiente realmente exclusivo. Mas Portofino guarda tesouros de notável beleza com vistas de tirar o fôlego e obras arquitetônicas completamente inseridas na paisagem. Além de toda essa maravilha tem a esplêndida pracinha de Portofico que nos presenteia o aspecto mais lúdico e de elite a esse maravilhoso e exclusivo lugar.

Conclusões

Portofino com as suas altas casas coloridas dispostas em semicírculo ao redor da famosa pracinha, é uma das mais renomadas localidades turísticas do mundo, uma meta exclusiva, que atrai personagens de fama mundial, que conserva ainda uma atmosfera antiga, feita de tradições de marinheiros e de pacientes artesãos, onde as cores e os perfumes da sua terra são exaltados ao máximo.

Como Chegar em Portofino?

Em Portofino é possível se chegar com o carro pela autoestrada A12 saída Rapallo e de trem, parada Santa Margherita Ligure, dali passa um ônibus a cada vinte minutos. O aeroporto mais próximo fica a Gênova. Naturalmente o modo mais característico e também mais prático para chegar é a balsa, as ligações pelo Golfo Paradiso são constantes e pontuais.