Skip to content

10 Peculiaridades de Barcelona

08/12/2016

bz_espanha Míriam Horta – Barcelona, Espanha

1) A Língua

Sim, em Barcelona, assim como em toda a região da “Catalunya”, a lingua oficial é o “Català”. Trata-se de uma lingua românica, como o português, com sua origem no latim. Lá pelo seculo IX a língua nasce nos Pirineus do mediterrâneo, e vai se espalhando por varias regiões.  Aqui se diz: “Bon dia” em vez de “Buenos Dias” e “Adéu” para dizer “Adiós”.
blog-boca

2) O “Bikini”

Não estranhe se um catalão te convidar (aliás,”convidar” aqui é para dividir a conta, tá?) para “comer” um “bikini”.  Não se trata da famosa peça de vestuário praiano, lançado no Brasil pela nossa querida e saudosa Leila Diniz, nos anos 60 no Rio de Janeiro. O biquini catalão nada mais é que o nosso “Misto quente”. Isso mesmo! Jamón e queso quentinhos, no pão de forma! Você vai encontrar em todos os bares da cidade, a qualquer hora. É um lanchinho leve e vai muito bem no “desayuno” ou nas “meriendas” da tarde. Mas, se for para Madrid, não tente pedir um “bikini” lá, eles vão te indicar uma loja de moda praia…

blog-bikini

3) A Cava

Esse é o vinho espumante da Catalunya. Lembra o champagne. É muito consumido por aqui e também exportado. O nome “cava”, como em francês “cave” significa uma cova subterrânea. Os maiores produtores são a Freixenet e a Codorniù. Vale muito a pena provar, tem um sabor que harmoniza muito bem com a gastronomia mediterrânea. Se encontra em qualquer bar ou restaurante e se pode pedir uma “botella” (garrafa) ou uma “copa” de cava, que seria uma taça.
blog-cava-3

4) O Pão com Tomate

Pà amb tomaquet. Muuuuito típico. Em qualquer lugar que te servirem pão, como uma entradinha, por exemplo, ele virá com tomate! Alem disso, em todos os pintxos ou tapas que acompanham pãozinho ou sanduiches, o pão será “amb tomaquet”. Ah sim, a receita segue um ritual: uma fatia de pão, normalmente torrado. Tomate “suquet” (tomate daqui que tem muito suco, é bem molhadinho) esfregado por cima, azeite “bueno” “extra virgem” e sal. “Bon profit” ou “Bom apetite”!
blog-aaa

5) As Scooters

Assim como São Paulo, Barcelona é a cidade das motos. No caso, são as chamadas “scooters” (motonetas ou ciclomotor). Tem um design próprio, as rodas sao bem pequenas e não é exigida a carta para dirigir. Ao invés de serem pilotadas pelos nossos motoboys, aqui, quem pilota uma scooter é a geral! Senhorinhas aposentadas com suas sacolas de compra, executivas de salto alto, mocinhas de mini saia e havaianas. Começaram a surgir nos anos 20, se popularizaram nos anos 50 e hoje em dia são líderes de mercado, fazendo parte inseparável da paisagem urbana de Barcelona, onde circulam mais de 300 mil motocicletas por dia. Com ela, você estaciona onde quiser, gratuitamente.
blog-scooter

6) Os Calçots

Uma modalidade de cebola. Na verdade, é a cebola só que cultivada a moda catalana. Fica com cara de alho poró, mais ou menos. Muito comum por aqui, as “calçotadas” se dão no final do inverno e inicio da primavera, são preparadas em churrasqueiras e se come com as mãos. Fica carbonizado por fora e macio por dentro. Nham nham.
blog-calcots
Fotos acima e abaixo via http://expediablog.co.uk/get-involved-in-barcelonas-barbecued-calcots-tradition/
blog-calcots-2

7) A Tourada. Touro não, é burro!

Tradicional em toda a Espanha, o símbolo do touro é substituido por um burro, na Catalunya. Sim, a mascota da cidade é um burro! As touradas em Barcelona foram proibidas atraves de um decreto lei de 2010, que entrou em vigor a partir de 2012. A antiga arena da Plaça Espanya virou um shopping center, o Arenas de Barcelona e a plaza de Toros La Monumental, outra arena que está fechada desde 2011, funciona como palco de espetaculos e conciertos. O decreto de proibição dass corridas de touro mais antigo que se tem conhecimento, data de 1567, do Papa Sao Pio V, que excomungava todos os que participassem ou assistissem.
blog-toro

8) A Fama de Pão duro

Na Divina Comedia, escrita no ano de 1313, ja se falava do ódio que os italianos da época tinham aos catalães. A fama vem da atividade comercial a que sempre se dedicaram os catalães. A excelente posiçao geográfica da Catalunya e sua vocação para o comércio por toda espanhola, receberam a fama de ávidos e “tacãnos” (avarentos). Não faltam as piadinhas sobre o tema, como por exemplo: “Sabe como juntar 85 catalães em um carro?” Resposta: “Joga uma moeda”….rsrs

9) Muita “merda” no Natal (O Caganer e o Caga Tio)

Fazem parte das festividades e tradiçao do Natal. Nada de “Papai Noel”. Por aqui, quem traz os presentes é o… Caga Tio!!! Um boneco feito geralmente em madeira, com um cobertorzinho em cima do seu traseiro, onde se colocam os presentes. No dia de Natal, as crianças cantam canções e, segurando um pedaço de pau, começam a socar o boneco! Entoando hits como “Caga, tiooo”! E, conforme vão dando as pauladas, os presentes vão caindo do seu traseiro. Você não leu errado, é isso mesmo, o tio (o pedaço de lenha) “caga” os presentes de Natal.
 blog-caga-tio-2Foto acima, via eyeonspain.com
Veja abaixo um trecho do programa do Anthony Bourdain (“No Reservations Holiday Special 2011”) em que o “Caga Tió” aparece:
 Já o Caganer é uma figura, um outro boneco que se incorpora ao Presépio de Natal. Ao lado do menino Jesus, José e Maria, está lá, o sujeito de cócoras, “cagando” na cena do Natal. Hoje em dia há caganers de todos os tipos: com a cara do Messi, dos politicos e o ultimo modelo (compreensivelmente muito reprovado pela Igreja) de um fabricante de caganers foi dar a cara da Nossa Senhora de Montserrat (que é a padroeira daqui), na mesma situação: agachada, com sua vestimenta levantada, “cagando”. É meio bizarro. E você, conhecia essa história?
blog-caganero

10) Natal não! É Sant Esteban!

Aqui, em Barcelona, a noite de Natal não tem tanta tradição quanto o resto da Espanha. Se comemora timidamente essa data e se “guarda energia” para o dia 26 de dezembro, dia de San Esteban (ou Sant Esteve, em catalá). Esse dia se celebras com uma grande comida em familia. A tradição manda comer canelones feitos com a carne que sobrou do dia anterior. Por que é assim? Esse fato se repete desde a Idade Media na região. Devido à dificuldade que se tinha naquela época de viajar, com transportes ainda precários, visitar os parentes que viviam mais longe, era quase impossível. Por essa razão, se criou mais um dia festivo, um  “pós festa”, para seguir celebrando!
 blog-canelone
E aí, o que achou dessas curiosidades tão típicas de Barcelona?
Até o próximo post!
________________
 Miriam Horta é publicitária de São Paulo, e mora atualmente em Barcelona, casada com um catalão. Vejam fotos dos autores do BZ nos seguindo no Instagram. Fique ligado nas atualizações do blog seguindo nossa fanpage no Facebook e nosso Twitter. Quer participar do blog Brasil com Z? Envie uma mini-bio e sua motivação para: blogbrasilcomz@gmail.com Agradecemos! 
3 Comentários leave one →
  1. André Fernandes permalink
    08/12/2016 12:57

    Tô amando Barcelona! Uma das minhas top cidades favoritas até agora! Quem sabe eu me mude para BCN em 2 anos! Vamos ver!

  2. 08/12/2016 13:03

    Quando ganhar na loteria me mudo forevis para BCN.

Trackbacks

  1. 10 Peculiaridades de Barcelona | Brasil com Z | O LADO ESCURO DA LUA

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: