Skip to content

Quanto se gasta de supermercado em Roma?

31/01/2017

bz_italiaDiogo Rimoli – Roma, Itália

Muitas pessoas quando planejam morar no exterior não têm a mínima ideia de quanto se vai gastar mensalmente com o básico para o sobrevivência. Principalmente, com alimentação. Por isso vou tentar mostrar como é a situação em Roma, onde vivo.

O ideal é começar pelo começo, pela base. Uma das primeiras coisas que fazemos quando nos mudamos para o exterior é saber o preço dos alimentos, ou melhor, quanto se gasta para fazer um rancho.

Tenho que confessar que tenho uma queda “gravíssima” por supermercados. Sempre que possível vou aos supermercados das cidades que visito no exterior. Mas o foco aqui é Itália, mais precisamente Roma e trataremos disso.

Em linhas gerais, os supermercados aqui são excelentes, pelo menos para o meu gosto. Perto da minha casa existem pelos menos três boas opções de redes diferentes, o que é ótimo para comparar preços e produtos.

A worker checks cartons of milk in a supermarket in Rome April 1, 2011. REUTERS/Max Rossi

Foto via agência Reuters, Roma.

Sempre que conheço um brasileiro que está de férias aqui em Roma e avançamos um pouco mais na conversa, invariavelmente, ele me pergunta sobre o custo de vida, que imediatamente recai na pergunta básica: “Quanto tu gastas de supermercado aqui em Roma?” A pergunta é ótima e a resposta pode explicar muito bem uma parte importante em termos financeiros do que é viver numa cidade como Roma.

Somos um casal normal e comemos e bebemos de tudo, sem dificuldade de adaptação às diferenças alimentares em relação ao Brasil, o que ajuda muito a não ter “necessidades alimentícias especiais”, que podem consequentemente custar mais ao longo do mês.

diogo-rimoli-quanto-se-gasta-de-supermercado-em-roma                             Nossa parceria inclusive na hora de “fazer o super” em Roma

Geralmente, vamos ao supermercado uma vez por semana e compramos o necessário para em média dez dias. Gastamos normalmente 75 euros e compramos de tudo um pouco (pão, presunto, queijo, mortadela, bacon, carne, frutas, verduras, iogurte, leite, manteiga, massa, arroz, molhos, biscoitos, ovos, café, feijão, itens de higiene e limpeza, etc.), inclusive algumas bobagens que qualquer pessoa compra e que aqui têm valores bem mais em conta, como Pringles, Nutella, Gatorade…

O legal é que os supermercados por aqui fazem com muita frequência promoções, como por exemplo, agora no início do ano, momento em que uma das redes fez uma promoção com duração de 15 dias em que você compra uma unidade de determinados produtos e leva duas unidades.

O valor que eu gastava mensalmente de supermercado no Brasil é bem aproximado com o que gasto mensalmente aqui em Roma, com a diferença de que aqui o salário médio é maior do que o do Brasil. Óbvio que existem algumas mudanças de hábito nas compras, mas a adaptação é extremamente tranquila e, o melhor de tudo, não dói nada!

Em um próximo post me aprofundarei mais sobre essa questão de compras alimentícias em Roma. Até mais!

________________

Diogo Rimoli é gaúcho de Porto Alegre,  professor de português e literatura.  Radialista e empresário do ramo esportivo, está desde abril de 2016 em Roma. Para saber mais sobre ele clique aqui. Sigam o Blog Brasil com Z no Instagram, Facebook e Twitter para atualizações diárias. Quer participar como autor do Brasil com Z? Envie-nos por e-mail (blogbrasilcomz@gmail.com) sua biografia e um texto de apresentação. Entraremos em contato com os melhores candidatos. Agradecemos. 

6 Comentários leave one →
  1. Kátia Mileski permalink
    31/01/2017 14:54

    Show Diogo! É praticamente a mesma coisa que gasto no Zaffari aqui, semanalmente!
    Prazer ler seu texto.
    Boa vida aí…
    Um abraço!

    • diogorimoli permalink
      31/01/2017 15:43

      Obrigado pelas palavras, Katia!
      Espero sempre contribuir com todos aqueles que buscam informações sobre Roma.
      Abraços!

      • Paulo Semensato Filho permalink
        13/02/2017 3:02

        Grande Diogo é o Semensato Filho me mando o teu contato amigão abraço para vocês.

  2. Giovana permalink
    01/02/2017 19:32

    Diogo achei que era bem mais caro, não tinha ideia. Mas uma curiosidade a carne é mesmo muito mais cara? Abs mil!!!

    • diogorimoli permalink
      02/02/2017 14:53

      Oi, Gi!
      Em geral todo mundo tem essa mesma impressão que tu tinhas de que se gastava mais no supermercado. Mas os preços no super são bem acessíveis e dentro da realidade.

      A carne bovina é realmente mais cara em relação ao Brasil e os cortes são diferentes também. Por isso não comemos todo dia. Mas o frango, peixe e porco tem preços muito bons e muita variedade.

      Valeu por acompanhar nosso Blog.

      Beijos

  3. 03/02/2017 10:39

    Ótimas informacoes! Acho sempre interessante saber essas coisas práticas.
    Eu também tenho uma queda por supermercados, sao atracao turística imperdível para mim em toda cidade que vou visitar!
    A daptacao realmente tbm achei tranquila aqui na Alemanha. A carne bovina também é mais cara por aqui, mas em compensacao se tem peixes maravilhosos aqui do Atlântico Norte sempre à disposicao e com bons precos!

    Abracos!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: