Skip to content

Entrevistando expatriados: Elieser Borba

05/07/2018

 Ana Fonseca, Holanda – Elieser Borba, Áustria

Hoje damos continuidade ao novo formato de postagens, em forma de entrevista. Nossos autores, além das mais diversas profissões, são muito produtivos nos seus hobbies! Vamos conhecer agora mais um pouquinho do nosso colaborador da Áustria, o carioca Elieser Borba. Ele é assistente social por formação, artista plástico e também escritor independente.

Elieser, você é do Rio e mora no interior da Áustria. Como se estabeleceu no país? 

Eu morava em Copacabana, no Rio de Janeiro. Conheci minha esposa, que é austríaca e estava de férias com uma amiga, num bar em dia de jogo do Botafogo. Após namorarmos à distância por pouco mais de um ano, decidimos começar a vida juntos na Áustria. Infelizmente, a situação econômica no Brasil não favorece um casal jovem iniciar a vida por lá!

E como veio a ideia de escrever livros? Qual foi sua motivação?

Para mim, todos tem a capacidade de escrever. A grande diferença é o ato de “tornar o que se escreve público” seja via livros, blogs ou outros meios. Eu sempre li e escrevi muito, e desde cedo sou muito ligado com o que está à minha volta, socialmente falando. Sempre fui um inconformado com o conformismo de algumas pessoas, e a ampliação de minha consciência crítica ainda na adolescência me motivou a tecer diários que mais tarde como assistente social aprimorei de forma mais técnica. Escrever é um exercício muito bom para externalizar angústias e para estimular nossa reflexão e daqueles que nossos textos atingem.

Por favor, fale um pouco sobre suas obras.

Meu primeiro livro foi “O Morador de Ipanema e outros contos cariocas”, um livro com 13 contos ambientados no Rio de Janeiro. O segundo foi “Enfim SUS: Diários de um Paciente num Hospital Público”. Este é uma transcrição de meus diários como internado num hospital público carioca após um grave acidente de moto que quase me tirou a vida em 2014. Estive internado por um longo período no ápice das críticas em relação à gestão do ex-prefeito Eduardo Paes frente a saúde Municipal da cidade. Tudo está relatado neste livro como um “tapa na cara”: a relação dos internados, o banho de leito, a alimentação, os serviços médicos e de enfermagem, entre outros pontos. O título é um trocadilho com o tão sonhado “enfim sós” dos recém casados mas que diáloga com a solidão de quem tem que submeter-se ao isolamento hospitalar de forma imposta por uma enfermidade, acidente, dentre outras mazelas.

Como podemos adquir seus livros?

Todos eles (inclusive o que em breve será publicado) podem ser adquiridos nas versões ebook e física pela Amazon para o Kindle. Os que não tem um Kindle podem baixar o aplicativo de forma gratuita no site da Amazon ou na Play Store:

 

Como expatraido e como escritor, quais são seus planos para o futuro próximo?

Atualmente, estou terminando meu terceiro livro que se chama “Nuas e Cruas: Conversações com Prostitutas Cariocas” que é fruto da transcrição de entrevistas que realizei com prostitutas e transsexuais de diversas partes do Rio de Janeiro em meus dois últimos anos ali. Está ficando bastante interessante. Um livro muito impactante no tocante do conteúdo. Aborda muito sexo, drogas, violência, abusos e um lado da prostituição que poucos conhecem: os sonhos, as opiniões e a luta de mulheres que trabalham com a venda do próprio corpo por uma questão de sobrevivência numa sociedade que infelizmente ainda é muito patriarcal. Ele é um livro que está sendo escrito pelas mulheres e para as mulheres! Pra além disso, tento conciliar meu trabalho como subchef num restaurante, os estudos de alemão, os cuidados com a casa e com nossa horta e com o preparo de uma exposição de arte para apresentar futuramente na Áustria. Uma vida agitada, mas que é gostosa de ser vivida!

Agradeço pela entrevista, Elieser! Muito sucesso com seus livros!

__________________

O “Brasil com Z” é um site feitos por brasileiros expatriados, que moram nos quatro cantos do mundo. Para ver nossas fotos diariamente, sigam-nos no Instagram. Para acompanhar atualizações sobre viver fora do Brasil, sigam-nos no Facebook e Twitter. Quer colaborar com o BZ? Informe-se aqui. Boa sorte!

2 Comentários leave one →
  1. Manuela Marques Tchoe permalink
    05/07/2018 15:12

    Que legal, Elieser! Muito interessante a sua história! Sucesso!

    • 05/07/2018 16:28

      Valeu Manuela!! Teu livro já está na fila pra ser lido hein!! Baixei a mostra e irei comprar assim que terminar minha próxima leitura!! Abraço e SUCESSO pra ti também!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d blogueiros gostam disto: