Bem, a vida aqui na Irlanda pode até ser doce, mas não leva leite condensado.

Os Irlandeses são conhecidos pelo seu amor ao chá, e chá você sabe, pede um acompanhamento, na maioria das vezes adocicado, mas nem tanto.

Os doces irlandeses são bonitos de se ver, eu que não sou louca por doces me vejo totalmente atraída quando olho a vitrine de uma pantheria. Os Cupcakes estão entre as listas dos mais desejados, mas a sobremesa que pode praticamente ser encontrada na maioria dos restaurantes da Irlanda se chama Pavlova, que na verdade nem original daqui é.

O Pavlova consiste em uma base de suspiro com uma camada de fresh cream e frutas da estação, assim, simples e sem muito açúcar envolvido no processo.

Por ter vindo morar aqui quase aos 30 anos já tinha o paladar (e opinião) formado a respeito e sinto falta de uma boa overdose de leite condensado. A falta é tanta que o desejo (e a competição com a sogra) me empurrou para a cozinha e hoje já me arrisco a fazer a minha própria produção meio irlandesa e meio brasileira que tem agradado não somente meu marido, como as visitas que a gente recebe em casa.

Fotos e produção (e confecção) Karine Smith: Pavlova; Cookies de amêndoa para o Cup Of Tea; Cupcakes para as Kids