Skip to content

Eataly – Alta gastronomia italiana agora no Brasil

04/06/2015

bz_italia Carla Guanais – Roma, Itália.

 

Escrevi sobre o tema no meu blog Sonhos na Itália e hoje abro um parêntesis na série de posts “A Itália dos…” para falar também aqui no Brasil com Z sobre a sensação do momento em São Paulo, imperdível para quem ama a Itália e a sua gastronomia, a Eataly.

Mas o que é a tal Eataly? Segundo eles próprios:

“É a ideia de reunir todos os alimentos italianos de qualidade sob o mesmo teto, um lugar onde você pode comer, comprar e aprender. O conceito do Eataly foi criado em 2004 e, depois de 3 anos de pesquisa e planejamento, o Eataly abriu sua primeira loja em Turim, na Itália em janeiro de 2007. Desde 2004, Eataly criou e comprou ações de empresas de alimentos e bebidas de alta qualidade e hoje tem ou é parceiro de mais de 19 empresas que produzem ou distribuem alimentos italianos de alta qualidade, incluindo: água, bebidas não alcoólicas, vinhos, carnes frescas, carnes curadas, queijos, massas, doces, assim como uma agência voltada ao turismo gastronômico. Essas empresas fornecem aproximadamente 25% dos produtos da mercearia, enquanto os outros 75% são fornecidos por mais de 2 mil produtores. Existem 29 lojas do Eataly no mundo. Quinze delas estão na Itália, nove delas estão no Japão, duas nos Estados Unidos, uma em Dubai, uma em Istambul e agora, uma em São Paulo.”

Eu conheci a Eataly de Milão, a daqui de Roma ainda não tive a oportunidade de ir. E confesso que acho que pra quem mora aqui não tem muita graça, a graça tem é levar os amigos e parentes que estão turismando por aqui. foi o que fiz quando minhas primas vieram.

Depois que abriu a loja de São Paulo, uma delas foi lá conferir, e me contou como é a loja de lá, o que oferecem e o mais legal: as principais diferenças.

“Na loja de São Paulo, assim como na de Milão, os restaurantes, são divididos por categorias: massas e pizzas, carnes, peixes, antepastos. E tem um mais chique no último andar que é o http://www.bracebaregriglia.com.br/ 
Tem também uma sorveteria, uma doceria, uma caffeteria, um stand da Nutella, uma padaria e uma parte com vinho e chopp, que você compra avulso.

Eataly São Paulo

Gostei da parte da “padaria”, pois você pode comprar um pão recheado, pegar uma taça de vinho, e consumir na mesa que tem em frente. Estilo o que fizemos em Milão, você não paga taxa de serviço e come tão bem quanto no restaurante. Se você só quiser petiscar vale super a pena.
 
Como fomos no segundo dia após a inauguração, chegamos as 18:40 no local, fizemos um tour pelos restaurantes, que se misturam com as prateleiras do mercado, e escolhemos comer no restaurante que serve pizza e massa (Rosso Pomodoro). Tivemos uma espera de 1 hora pra conseguir mesa. Mas não foi cansativa essa espera, pois possuem um sistema de senhas e nos enviam um torpedo no celular quando sua mesa fica vaga, então isso nos permitiu passear pelo mercado enquanto esperávamos, onde consumimos uma taça de vinho por R$9,90 e experimentamos um pão com recheio de abobrinha com ricota e patê de azeitona preta, divinos.
 
No restaurante fomos super bem atendidos. Todos os atendentes são super simpáticos e preocupados em te servir bem.
Pagamos um preço justo na massa também, cerca de 35 Reais o prato. Vi que o vinho mais barato do cardápio era R$70,00, isso é um preço bom aqui em SP.
 
 
 
Depois fomos saborear um sorvete, que serve igualzinho à moda italiana, com os sabores italianos, perfeito! Valor do potinho pequeno: 12 Reais, comprei o médio com dois sabores e paguei 14 Reais.
 
No stand de Nutella, o crepe de Nutella com frutas sai por 14 Reais, quase um pote inteiro de Nutella dentro do crepe. Muito bom também, mas as frutas tinham acabado, então fez falta, pois o crepe ficou muito doce.
 
 
Bom, por ser abertura, tinha muitas gôndolas de produtos já vazias, percebi que haviam vendido muita coisa e não houve reposição.
 
Já a parte de pratos e utensílios domésticos, um absurdo de caro, um saca rolha 500 Reais. Um cesto em forma de galinha pra colocar ovos 600 Reais!!!
 
 
 
As frutas achei caras também, 64 Reais o quilo das uvas sem caroço.
 
A parte de chocolates achei fraca, senti falta de mais variedades de chocolates, inclusive incluíram produtos brasileiros, como goibada, bananinha, etc. nesse setor.
 
Senti falta das garrafonas de 2 e 5 litros que você encher de vinho pra levar pra casa (vino sfuso), que são mais baratas do que os vinhos comerciais engarrafados, como tem na loja de Milão, no Eataly SP não tem isso.
 
Senti falta também de cervejas italianas, são mais marcas brasileiras artesanais que tem lá.
 
Vi bastante diversidade de água a venda também.
 

Sabonetes cheirosíssimos que na Itália custam entre 3 e 4 euros.

A loja de São Paulo fica na Av. Pres. Juscelino Kubitschek, 1489. O estacionamento do Eataly estava lotado, paramos num outro do prédio ao lado e gastamos nada mais nada menos do que 39 Reais por 4 horas,  mas no Eataly deve estar nessa faixa de preço. Ele está localizado numa área nobre de SP!
 
Inclusive, o público frequentador é de classe média alta.  Vi bastante estrangeiro por lá também.
 
A loja é bem servida e tem banheiros em todos os andares.
 
Gostei bastante, quero voltar, pra curtir mais os produtos que vendem, dessa vez conheci geral, agora quero namorar mais cada setor.
 
Achei o máximo que tem a Porchetta de Ariccia, que comemos quando estivemos em Ariccia!!
 
 
Nesse Eataly tem no primeiro andar uma sala dedicada pra cursos e degustações, que são pagos e com horários agendados, no site contém os programas disponíveis, mas nesse primeiro momento estão chamando convidados que são donos de restaurantes italianos famosos em São Paulo.”
———————————————————————————————————————————————————
 
Bem, não é que a Eataly italiana seja baratíssima, tem coisa com preço acessível e tantas outras não. Pelo relato da minha prima, a de São Paulo também é assim. E, claro que não vai ter tudo o que tem por aqui, mas pelo que vi tem bastante coisa parecidae parece que vale a pena né?, mesmo que aparentemente se gasta uma boa graninha.
Alguém de vocês leitores foi na loja de São Paulo ou em alguma aqui da Itália e tem algo a acrescentar? Conte-nos nos comentários!
Arrivederci!
Carla Guanais é cientista, blogueira e mora na Itália desde 2010, onde está cursando um doutorado. Saiba mais sobre ela clicando aqui.
2 Comentários leave one →
  1. 05/06/2015 7:30

    Wow! Um shopping center italiano em SP!

  2. 26/06/2015 13:52

    hmmmmmmm!!!!!

    fiquei com água na boca!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: