Skip to content

Guia prático de esportes de inverno na França

15/02/2017

bz_franca Fabio T – Normandia, França 

Olá leitores do Brasil com Z! Eu e meus colegas autores deste blog já escrevemos vários artigos de como passar melhor o inverno em países de clima temperado (“Como sobreviver ao inverno alemão”, “Inverno na Europa”, “Adaptar-se à um novo país no inverno”). E agora é minha vez de dar uma dica de como passar o inverno. 

Uma maneira de divertir-se é aproveitar o que esta estação do ano tem de melhor, na minha opinião: Poder praticar esportes nas montanhas! E um ótimo lugar para praticá-los esporte é na França. Aqui está um pequeno guia prático dos esportes de inverno na França e as dicas deste guia podem até ser úteis em estações de inverno em outros países.

Bom proveito!

Quando ir?

A temporada de abertura das estações é de meados de dezembro até começo de maio; mas atenção, estas datas variam em função da quantidade de neve que cai e da altitude da estação de esqui, geralmente, quanto mais alta, mais cedo abrem e mais tarde fecha.

Aconselho ir fora da temporada das férias escolares francesas:

  • férias de fim de ano: de meados de dezembro à começo de janeiro
  • férias de inverno: todo o mês de fevereiro.

Onde ir?

A França possui várias regiões para a prática dos esportes de inverno :

No Sudeste, as famosas regiões dos Alpes.

No Leste, os maciços do Voges e do Jura.

No centro, o maciço central.

No Oeste, as montanhas dos Pireneus.

Neste artigo vou dar mais em detalhes sobre a região dos Alpes Franceses que eu tive o prazer de ir.

regiões para a prática de ski (fonte: trouver-tout.fr)

regiões para a prática de ski (fonte: trouver-tout.fr)

Qual estação escolher?

A França possui mais de 200 estações de esqui para todos os bolsos e gostos. A escolha vai depender do tipo de estada que se deseja fazer: divertir-se com os filhos pequenos, fazer compras em lojas famosas e ficar em resorts de luxo, viajar com amigos jovens, fazer mochilão econômico…

Vou falar aqui de algumas das estações mais conhecidas dos Alpes :

  • Courchevel: situado na maior região “esquiável” do mundo, este é o lugar onde os ricos e famosos do mundo inteiro vão no inverno para fazer compras, ver, ser visto e se der tempo, esquiar um pouco.
  • Serre Chevalier: é uma dos maiores regiões da Europa para esquiar. Há pistas para todos os níveis e atividades para toda a família.
  • Les 2 Alpes: esta é uma estação indicada para uma viagem em grupo de amigos jovens com várias opções de bares, restaurantes e casas noturnas.

Como chegar?

Se você decidir viajar de carro, não esqueça de colocar pneus para neve e colocar no porta-malas um conjunto de correntes para pneus. Lembre-se que deve-se tomar muito cuidado e ter muita atenção para se dirigir nas estradas montanhosas cobertas de neve.

Outra opção mais tranquila para viajar é de trem e de ônibus.

Para chegar às estações dos Alpes da região de Isère, é só preciso pegar um ônibus à partir da estação de trem de Grenoble que tem ligação direta de trem com Paris.

Onde ficar?

Lugar para ficar é o que não falta e cada opção de estadia tem suas vantagens e inconvenientes :

  • Hotéis : ótimo para uma viagem romântica em casal mas mais caro.
  • Aluguel de chalé ou apartamento : ideal para família com crianças ou em um grupo de amigos pois além de ser econômico, é muito convivial. Além disso, como estes lugares possuem pequenas cozinhas, dá para fazer as compras no supermercado e preparar bons em pratos sem gastar muito (veja no meu artigo 5 pratos para se comer no inverno). Há varias opções em plataformas de locação como o Airbnb ou no aluguetemporada
  • Albergues da juventude : excelente para o mochileiro viajando sozinho,quem quer economizar ou quem quer encontrar outras pessoas. Há opção de demi-pensão ou pensão completa. O site, em francês, da federação francesa dos albergues da juventude lista os locais onde ficar nas montanhas.apartamentos (arquivo pessoal)

Meu apartamento. 

Equipamentos

Os esquis e pranchas de snowboard podem custar caro, ocupam espaço e não são fáceis de carregar no carro ou nos transportes coletivos. E se você não pratica todo fim de semana, não acho rentável comprá-los.

Uma alternativa muito comum é alugar estes equipamentos em uma loja de esportes (intersport, sport2000). Você pode reservar pela internet e pegá-los na própria estação de esqui onde você for. Por exemplo, a locação de um par de esqui com seus bastões ou uma prancha de snowboard homem por uma semana pode ser encontrado por cerca de 130 Euros.

E não esqueça do capacete, cujo aluguel de 1 semana custa cerca de 10 à 15 euros.

Fabio com roupas de esqui em sua primeira aula (arquivo pessoal)

Eu com roupas de esqui na minha primeira aula

Roupas e acessórios

Para se praticar o esporte é preciso investir em roupas apropriadas, composto por uma calça (pantalon), um casaco (veste), uma malha (polaire), luvas impermeáveis (gants étanches), um  gorro (bonnet) e óculos anti-uv. Estas roupas e acessórios podem ser compradas em grandes lojas de esporte espalhadas pelo país (as principais lojas de esporte na França são: Decatlhon, Intersport, Sport2000) ou nas na própria estação de esqui (mas lá é mais caro). Para se ter uma idéia, um conjunto completo não sairia por menos de 100 euros.

E não esqueçam também de roupas quentes, botas e luvas para sair fora depois do esqui.

Você pode pensar que no inverno não é preciso proteger a pele do sol, que engano! Estando em alta altitude, o sol bronzeia ainda mais! Veja o que aconteceu comigo quando eu esqueci de pôr protetor solar; fiquei parecido com um guaxinim (rs):

use protetor solar (arquivo pessoal)

use protetor solar (arquivo pessoal)

O frio também resseca os lábios, então não esqueça de colocar protetor labial.

Como eu chego em lá em cima?

A grande maioria dos hotéis, apartamentos, restaurantes e lojas ficam no pé da montanha e para chegar até o alto da montanha é preciso pegar um teleférico ou uma esteira rolante. Os tipos de teleférico mais comum são:

  • cabine fechada : usada para subir altas altitudes e com uma ladeira íngreme.
  • cadeira : no lugar de uma cabine, há um banco com uma barra de segurança. Deve-se tomar cuidado na hora de sair pois o banco só desacelera e são os passageiros que devem saltar.
  • Teleski : usado para subir ladeiras suaves. você precisa “montar” em cima de uma lança conectada ao cabo motorizado, segurar bem firme para não cair e se deixar levar.
teleski (fonte: orange.fr)

teleski (fonte: orange.fr)

Parece fácil mas no começo não é fácil manter o equilíbrio, segurar a lança com uma mão e os bastões de esqui na outra mão.

Existe também esteiras rolantes :

esteira rolante (fonte: wikipedia.org)

esteira rolante (fonte: wikipedia.org)

E é claro, é preciso pagar para usar estes meios de transporte. As estações propõe planos com uso ilimitado das instalações durante um período: meio dia, 1 dia, 1 semana, 10 dias, etc…

Para se ter uma ideia, um plano de 7 dias na estação de “Les 2 Alpes” custa 284 euros para um adulto e 227 euros para uma criança.

Nível de dificuldade das pistas

As pistas de ski e snowboard são classificadas em função da inclinação, largura, comprimento e localização da pista.

Na França há 4 níveis de dificuldade, cada uma de uma cor diferente :

verde: pista fácil aconselhada aos debutantes

azul: pista de fácil à média dificuldade

vermelha: pista de média à alta dificuldade

preta: pista difícil, aconselhada somente para esportistas com grande experiência.

Eu só ficava nas pistas verde e azul (rs rs)

mapa de pistas na estação de Courchevel (fonte: esfcourchevel1650.com)

mapa de pistas na estação de Courchevel (fonte: esfcourchevel1650.com)

Cursos de esqui

Se você for como eu que nunca tinha visto neve antes de ir à um país de clima temperado e muito menos ter esquiado, aconselho fortemente pegar algumas aulas de ski.

A escola francesa de ski (esf) possuem cursos infantil, adultos, para iniciantes, para experientes, individual e em grupo.  Os instrutores são didáticos e pacientes com os debutantes e não riem quando a gente cai. Na minha primeira vez, na segunda manha já conseguia deslizar sozinho devagarinho em uma pista verde.

Para se ter uma idéia de preço, 4 manhãs de curso adulto iniciante na estação de Les 2 alpes custa cerca 400 euros.

Seguro 

Eu aconselho pagar o seguro resgate proposto pela estação de esqui pois se você não tiver seguro e precisar ser resgatado desde o cume até a base da montanha, isto pode custar até 400 euros.

A experiência de esquiar

E aí, você conseguiu chegar à estação, achou uma estadia, comprou as roupas, alugou os equipamentos, comprou um plano, fez algumas aulas.Você deve estar se perguntando, vale a pena tudo isso?

O que eu posso falar da minha experiência pessoal é que vale a pena sim; é muito relaxante e revigorante a sensação de deslizar pela neve recém caída nas montanhas brancas cercado por um panorama natural à perder de vista. E quem gosta de adrenalina, também aproveitará muito por causa da velocidade que se consegue alcançar.

paisagem de montanha (arquivo pessoal)

paisagem de montanha (arquivo pessoal)

After-ski

Depois de um dia inteiro esquiando ou fazendo snowboard, há várias maneiras de relaxar, eu adoro relaxar em uma piscina quente de hidromassagem, outros vão para os bares fazer o “after-ski” ainda com as roupas de esporte.

descanso em restaurante nas montanhas (arquivo pessoal)

Descanso em restaurante nas montanhas (arquivo pessoal)

Outras Dicas

Uma dica para aproveitar a paisagem de montanha e descansar entre 2 descidas é de tomar uma bebida em um terraço ao sol em um restaurante nas montanhas. Outra dica  é de levar na mochila um lanchinho pois além de economizar, ganha-se tempo.

Espero que tenham gostado deste guia e que tenha dado-lhes vontade de vir esquiar!

Um abraço.

________________

Fabio T mora na França há mais de 8 anos e, após morar nas regiões de Borgonha e Champagne, resolveu estabelecer-se na região da Normandia. Siga a nossa página no Facebook para notícias atuais sobre viver no exterior clicando aqui. Sigam também nosso Twitter e Instagram.

3 Comentários leave one →
  1. 15/02/2017 10:33

    Você falou “para todos os bolsos e gostos” e vou pesquisar mais a respeito disso! Na minha cabeça, “esportes de inverno” são para pessoas com muita grana. Logo, logo quando comecei a morar na Holanda, informei ao meu marido que jamais faria. Vi fotos dele e dos amigos, ouvi relatos de viagens para a Áustria e Suíça… E a festança do apres ski. em programas na TV.. Mas nunca arredei pé: acho perigoso para as crianças e muita $$$. Agora com os filhos pré adolescentes e vendo que outros amiguinhos deles viajam, conseguem financiar tudo e voltam felizes, penso que toparia. Ainda tenho medinho, principalmente anos atrás ao saber o que aconteceu com o Schumacher.

    • 15/02/2017 19:56

      Pois é Ana, eu também pensava que esqui era só para ricos; precisa gastar-se com equipamentos e roupas, mas se voce escolher uma estação de inverno popular, dá para ir !. La nos alpes está cheio de holandeses esquiando. Quanto ao medo, como todo esporte, há riscos, mas se voce não fizer loucura e ficar nas pistas bem balisadas, é bem seguro. Aventure-se com nesta oportunidade que não temos no Brasil !

  2. edvanfleury permalink
    15/02/2017 11:19

    ficou muito didatico e prático para quem lê. Muito bom. Ps.: a foto do panda ficou muito boa ahahahaha

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: